Contra desejo da Fifa, Rio 2016 indica Manaus para sede do futebol olímpico

  • Por Agência EFE
  • 12/02/2015 15h09
Vista da Arena AmazôniaVista da Arena Amazônia

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro propôs nesta quinta-feira como uma das sedes do torneio de futebol a cidade de Manaus, uma escolha que desagrada a Fifa.

Além de Manaus, o comitê apresentou como possíveis subsedes São Paulo, Brasília, Belo Horizonte e Salvador, que foram palco de partidas da Copa do Mundo de 2014 e que estavam nos planos olímpicos desde a época da candidatura do Rio.

A escolha das subsedes dependerá da Fifa e previsivelmente será anunciada em 16 de março, durante uma reunião da comissão organizadora dos torneios olímpicos de futebol que acontecerá em Zurique (Suíça), disseram porta-vozes da entidade à Agência Efe.

Manaus também foi uma das 12 sedes da Copa, mas não constava nos planos da candidatura olímpica de Rio e só foi incluída agora na lista de subsedes.

A capital amazonense recebeu elogios por seu sucesso na organização das quatro partidas que recebeu na Copa, mas também várias críticas antes, durante e depois do torneio por seu clima e pela distância das demais sedes.

No mês passado, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, expressou sua desaprovação em relação à possibilidade de Manaus ser sede olímpica por sua distância do Rio.

O presidente do Comitê Organizador de Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, disse hoje que a Fifa não realizou “nenhuma comunicação a favor ou contra nenhuma cidade” de forma oficial.

Nuzman defendeu a escolha de Manaus como representante da Amazônia, ressaltando que foram avaliados tanto aspectos logísticos como operacionais, e disse que a organização da Copa em Manaus teve um “forte sucesso reconhecido pela Fifa”.