Alemanha passa vexame histórico na Rússia, perde para Coreia do Sul e é eliminada na fase de grupos da Copa

  • Por Jovem Pan
  • 27/06/2018 12h58 - Atualizado em 27/06/2018 15h05
EFE Coreia do Sul comemora gol contra Alemanha nos acréscimos

Campeã da Copa do Mundo em 2014, a seleção da Alemanha passou vexame na edição de 2018, na Rússia. O time germânico mostrou falta de pontaria novamente, sofreu gols nos acréscimos, perdeu para Coreia do Sul por 2 a 0 e não conseguiu se classificar na fase de grupos. É a primeira vez que isso acontece com os tetracampeões do mundo.

Suécia e México somaram 6 pontos e ficaram com as vagas do Grupo F. Os suecos lideraram por somar um saldo de gols maior. Os alemães foram eliminados com apenas 3 e ficaram atrás até dos sul-coreanos, também por causa do saldo de gols.

Os adversários de Suécia e México sairão do Grupo E, em que estão Brasil, Suíça e Sérvia. Os jogos desta chave serão nesta quarta-feira (27), às 15h (de Brasília).

Lee Jae-Sung e Timo Werner em disputa de jogada no jogo entre Coreia do Sul e Alemanha

O técnico Joachim Löw escalou a Alemanha com mudanças importantes no meio-campo. Saíram Rudy, Draxler e Müller. Entraram Khedira, Özil e Goretzka. Mas nada funcionou.

A Coreia do Sul criou mais dificuldades que o esperado desde o 1º tempo. Na defesa, jogou com uma linha de 5 que evitou a maioria das finalizações da Alemanha. E no ataque a equipe criou chances, como aos 24min, quando Son pegou uma sobra de bola na área e finalizou com perigo. Pouco antes, Neuer quase levou um frango em cobrança de falta.

A Alemanha só teve mais volume de jogo nos minutos finais do 1º tempo, quando Werner e Özil tentaram finalizar, mas foram travados pela defesa bem postada da Coreia do Sul.

Os alemães voltaram para o 2º tempo sem mudanças no time, mas criaram grandes chances de gol logo no início. Aos 2min, Goretzka cabeceou no canto, mas o goleiro Jo fez ótima defesa. Aos 5min, Werner finalizou sozinho na área, mas a bola foi para fora por pouco. Aos 15min, Kroos também recebeu bom passe na área, porém a finalização foi desviada.

A Coreia do Sul só conseguiu o primeiro contra-ataque aos 17min, quando Son avançou com velocidade no meio-campo e chutou com perigo, mas para fora. Aos 20min, conseguiu mais um, em uma bela troca de passes desde a defesa, só que Moon demorou para finalizar na área e foi desarmado.

A Alemanha teve total controle da posse de bola, trocou defensores por atacantes e partiu pra cima. Mario Gomez, Brandt e Müller entraram. O time melhorou, Kroos e Gomez tiveram novas oportunidades e desperdiçaram. E a Coreia continuou viva nos contra-ataques. Aos 29min, Son fez a bola passar raspando a trave.

A pressão alemã ficou baseada em muitos cruzamentos nos minutos finais. O time até conseguiu vencer a maioria das disputas aéreas, mas errou a pontaria. A melhor oportunidade foi com Hummels, aos 40min, mas ele errou o cabeceio e acertou a bola de ombro, para fora.

Com muito mais frieza nos últimos minutos, a Coreia do Sul conseguiu manter a bola no ataque e fez gol nos acréscimos. Após sobra de bola em escanteio, Kim Young-Gwon ficou com a bola na pequena área e balançou a rede com força. O juiz acionou o sistema de vídeo arbitragem (VAR), por causa de um possível impedimento, e validou o gol mesmo assim

Aos 50min do 2º tempo, quando Manuel Neuer foi para o ataque em busca de cruzamentos, a Coreia do Sul conseguiu mais um gol. Após lançamento, Son Heung-Ming saiu correndo e tocou para o gol aberto, decretando a vitória sul-coreana e fazendo história na Rússia.

Ouça as narrações dos gols da Coreia do Sul:
Son

Gwon