Lloris cita Euro 2016 e diz que aspecto emocional será fundamental na final

  • Por EFE
  • 14/07/2018 16h52
EFELloris é capitão da seleção da França

O goleiro Hugo Lloris afirmou neste sábado que o aspecto emocional será decisivo na final da Copa do Mundo, neste domingo, e lembrou da Eurocopa de 2016, quando a França era favorita, mas perdeu o título em casa para Portugal.

“Esse é o momento de darmos o nosso máximo e de nos impormos, con convencimento e com determinação. Será uma batalha. Jogaremos contra um adversário de muita qualidade, que mostrou qualidades físicas e psicológicas incríveis. Eles mostraram seu valor ao longo da competição, superaram três prorrogações consecutivas. Além do talento individual, eles têm uma força coletiva incrível. Temos muito respeito por eles”, disse.

“Para os jogadores que estiveram lá (na final da Euro de 96), foi difícil de digerir. Mas futebol é isso. Não sabíamos que teríamos uma segunda chance de representar o nosso país na final de uma Copa do Mundo e agora temos. Muitas coisas mudaram e precisaremos estar totalmente concentrados para vencer”, acrescentou.

Segundo o jogador, o resultado da Euro provocou mudanças na equipe, principalmente na parte da recuperação e preparação antes dos jogos.

“Agora sabemos que a meta é nos concentrar em apenas uma coisa: na partida. Temos que ser fortes desde o início. Vamos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para vencer. Estamos com esse pensamento desde o momento em que conseguimos a vaga para a decisão”, revelou.

A França irá em busca do seu segundo título mundial e, para Lloris, os jogadores sabem que precisarão ser fortes para disputar o jogo mais importante de suas carreiras.

“Esta é a partida mais importante da nossa carreira e estamos preparados. O nosso nível de concentração antes do jogo está sendo extremamente alto, embora sabemos que será difícil. O nível da Croácia é extraordinário. Precisaremos fazer uma partida perfeita se quisermos vencer. Colocaremos nossa energia em cada detalhe”, concluiu.