Técnico da Croácia detona arbitragem por pênalti marcado no 1º tempo

  • Por EFE
  • 15/07/2018 17h30
EFEDalic ressaltou que não queria desmerecer a vitória francesa

técnico da Croácia, Zlatko Dalic, questionou neste domingo (15) o pênalti marcado pelo árbitro argentino Néstor Pitana, no primeiro tempo da derrota para a França por 4 a 2, na final da Copa do Mundo.

“Nunca comento a arbitragem e não quero perder o tempo nisso. Só queria dizer uma coisa: em uma final de Copa do Mundo, não se apitam pênaltis desse tipo”, disse o comandante, em entrevista coletiva, ao se referir do toque de mão do meia-atacante Ivan Perisic.

“Mas, de forma alguma, com isso, quero desmerecer a vitória da França. Quero parabenizar a França por ser campeã do mundo”, completou Dalic.

O treinador croata admitiu que a marcação da falta dentro da área, quando o jogo estava 1 a 1, que acabou convertida pelo atacante Antoine Griezmann, ainda no primeiro tempo.

“Nos primeiros 30 minutos, jogamos bem, tivemos o controle até marcar o primeiro gol contra. Depois veio o pênalti. Em Copa do Mundo, é um momento que faz diferença”, avaliou.

Dalic, no entanto, destacou o desempenho dos croatas, detacando que todos saem “orgulhosos” da competição.

“Fizemos um bom jogo, mas, o futebol é assim. A França não nos surpreendeu em nada. Defenderam a vantagem e jogaram no contra-ataque. Temos dois pontos de azar, o gol contra e um pênalti dessa maneira, com o VAR”, lamentou.