Corinthians conta com gol contra no fim e estreia com vitória na Libertadores

  • Por Jovem Pan
  • 18/02/2016 00h00
O corintiano Lucca fez o cruzamento que originou o gol contra da vitória do Corinthians sobre o Cobresal

Depois de ver os rivais Palmeiras e São Paulo tropeçando na estreia na fase de grupos na Libertadores, o Corinthians se deu melhor jogando na altitude de El Salvador, no Chile. Diante do Cobresal, a equipe comandada por Tite teve dificuldades com a altitude, não criou muitas chances de gol, mas, em um lance de sorte, conseguiu os três pontos em sua estreia no torneio continental: o zagueiro Escalona marcou contra o gol da vitória do Timão por 1 a 0.

O time brasileiro até começou a partida em ritmo melhor, mas logo haveria uma interrupção. Com 12 minutos de bola rolando, os refletores do estádio El Cobre se apagaram e deixaram o campo mergulhado na escuridão. Mas a situação não durou muito e, 14 minutos depois, a luz voltou a brilhar no local.

Só que não houve luz que acendesse sobre o futebol das duas equipes. Enquanto o Timão, com dificuldades de adaptação ao gramado e à altitude, sofria para segurar a bola no ataque, e consequentemente não conseguia criar chances, o time da casa não mostrava qualidade e limitava-se a arriscar chutes de fora da área e fazer cruzamentos, estratégia que se mostrou ineficiente. A exceção, durante todo o primeiro tempo, foi em cobrança de falta de Lucca que passou por cima da barreira e por pouco não parou nas redes.

Após o intervalo, o Cobresal voltou melhor, mas nem por isso mais perigoso. Na verdade, quem teve a melhor chance foi o Corinthians. Em cobrança de escanteio, a bola foi parar na cabeça de Yago, que acabou acertando a trave. Sepúlveda respondeu minutos depois com chute de fora da área que subiu demais, como quase todos que sua equipe tentou durante o jogo. Do outro lado, Lucca fez boa jogada pela esquerda e passou para Giovanni Augusto, que, dentro da área, finalizou para fora.

Já nos últimos minutos Pablo González arriscou cruzamento da direita e quase encobriu o adiantado Cássio, assustando os corintianos. Pouco depois, nos acréscimos, Lucca recebeu pela direita, avançou e cruzou rasteiro. Quem desviou foi o zagueiro Escalona, que mandou contra o próprio patrimônio e decretou a primeira vitória paulista na Libertadores.

O resultado deixa o Corinthians como líder do Grupo 8, com três pontos, contra um de San Lorenzo e Santa Fé e nenhum do Cobresal. A equipe volta a campo pelo torneio somente no dia 2 de março, em sua arena, contra o San Lorenzo.