Corinthians joga mal, empata com Chapecoense e recebe vaias em Itaquera

  • Por Jovem Pan
  • 18/09/2014 21h29
SÃO PAULO,SP,18.09.2014:CORINTHIANS SP-CHAPECOENSE SC - O jogador Malcom do Corinthians durante a partida entre Corinthians SP e Chapecoense SC, válida pelo Campeonato Brasileiro 2014, na Arena Corinthians, São Paulo, SP, na noite desta quinta-feira, 18. . (Foto: Leandro Martins/Futura Press/Folhapress)Malcom foi o único destaque do Corinthians

O Corinthians empatou em 1 a 1 com a Chapecoense na Arena Corinthians, em Itaquera, nesta quinta-feira. Com um jogo bem abaixo da média, o Timão não consegue se aproximar do vice-líder, São Paulo, e vê o Cruzeiro se distanciar ainda mais na liderança do Brasileiro.

Com o resultado, o Corinthians fica estacionado na quarta posição com 37 pontos, um a menos que o Internacional, o terceiro, e cinco a menos que o São Paulo. O Tricolor será o adversário do Timão no próximo domingo, em Itaquera.

Já a Chapecoense vibra com o resultado. Na tabela, a equipe ainda corre sérios riscos de rebaixamento com 24 pontos e se mantendo na 16ª posição, mas o ponto ganho em Itaquera será muito comemorado.

O Corinthians volta a campo no próximo domingo, às 16h (de Brasília), contra o São Paulo, na Arena Corinthians. O Chapecoense vai até Porto Alegre, onde jogará contra o Grêmio na Arena.

O jogo

Mano Menezes tirou Renato Augusto do time titular e apostou no jovem Malcom. A aposta deu certo. Prova disso é que logo aos 9min saiu o primeiro gol do Corinthians. Quando Jadson tocou para Malcom. O jovem meia corintiano driblou Rodrigo Biro, chutou de pé esquerdo e faz um belo gol em Itaquera.

Após o gol, o Corinthians não pressionou muito a saída de bola dos catarinenses e tentou explorar os contra-ataques que a equipe de Chapecó deixava para o alvinegro paulistano. Prova disso, foi aos 21 min. Quando Luciano tentou lançamento para Guerrero, a defesa falhou feio e o camisa 9 chutou de fora da área. Porém a bola passou longe do gol de Danilo.

Os catarinenses levavam perigo ao gol defendido por Cássio apenas na bola parada. Quando aos 29min, Camilo cobrou escanteio na cabeça de Fabiano, mas a bola passou a esquerda de Cássio e assustou os torcedores na Arena Corinthians.

E como todos os jogos do Campeonato Brasileiro, teve uma jogada polêmica. Quando aos 39min, Jadson tocou para Guerrero e o camisa 9 brigou com Fabiano pelo espaço e a pela bola. O peruano caiu e o árbitro capixaba, Felipe Duarte Varejão, não marcou pênalti para o Corinthians.

No segundo tempo, a Chapecoense conseguiu o empate logo de cara. Aos 4min, Fabinho faz belo cruzamento buscando Leandro, na tentativa de afastar o perigo, Ferrugem falha e faz gol contra.

Após o gol sofrido o Corinthians começou a sofrer e viu os catarinenses crescerem na partida. Chegando com perigo ao gol de Cássio aos 14min com Leandro e depois aos 16min de novo com o camisa 9 do Chapecoense.

Com estes problemas, Mano resolveu mudar o time colocando Romero no lugar de Luciano e depois Lodeiro no lugar de Jadson. Mas as melhores chances continuaram sendo do time de Chapecó.

Leandro, de novo, perdeu mais um gol cara a cara com Cássio, aos 20min. Porém a chance mais clara da equipe de Chapecó foi aos 35min. Após contra-ataque rápido de Camilo, o camisa 10 tocou para Fabinho que driblou Cássio e chutou no gol. Fábio Santos salvou em cima da linha.

O último lance de perigo foi do Timão. Aos 48min do segundo tempo, Guerrero aproveitou escanteio de Lodeiro, o camisa 9 chutou de pé direito e Wanderson salvou o gol em cima da linha.

Ao terminar a partida, a torcida corintiana vaiou a apresentação do time e Mano Menezes foi muito criticado pelos torcedores.