Courtois não quer disputa com Cech no Chelsea: “Não seria saudável”

  • Por EFE
  • 21/05/2014 12h56
Thibaut Courtois é liberado para jogar semi da Liga dos Campeões

Considerado pela imprensa internacional como um dos melhores goleiros do mundo na atualidade, Thibault Courtois tem futuro incerto para próxima temporada. Emprestado pelo Chelsea ao Atlético de Madrid, o atleta tem vínculo com o clube britânico até junho de 2016, mas ainda não sabe por qual equipe atuará na sequência de sua carreira. Entretanto, em entrevista ao canal televisivo BBC, o belga deixou claro que não pretende retornar ao time londrino se for para disputar posição com Petr Cech.

“Ele é um dos melhores goleiros do mundo. Acho que colocar os dois no mesmo time não seria a coisa mais saudável do mundo. Nenhum de nós ficaria feliz jogando só a Copa da Liga ou a Copa da Inglaterra”, afirmou o jogador.

Contratado pelo Chelsea exatamente para ser substituto de Cech no futuro, Courtois foi emprestado ao Atlético de Madrid em 2011 para ganhar experiência. No entanto, o goleiro evoluiu mais do que o esperado e, aos 22 anos, já é apontado como um dos melhores atletas do mundo em sua posição, ao lado de nomes como Iker Casillas (Real Madrid), Gianluigi Buffon (Juventus), Manuel Neuer (Bayern de Munique) e o próprio Cech.

As boas atuações de Courtois pela equipe espanhola criaram impasse entre os administradores do clube britânico. Segundo o jornal Daily Express, o treinador da equipe inglesa, José Mourinho, planeja ter o belga como titular na próxima temporada. Com isto, aceitaria negociar Cech, de 32 anos, que tem posição incontestável no Chelsea desde 2004.