Criciúma repudia torcedores por grito de “abasteça o avião” contra a Chapecoense

  • Por Jovem Pan
  • 24/04/2017 10h03

Torcedores do Criciúma usaram tragédia aérea para "provocar" a Chapecoense

Torcedores do Criciúma usaram tragédia aérea para "provocar" a Chapecoense

Por meio de nota divulgada em seu site oficial, o Criciúma repudiou as lamentáveis provocações feitas por seus torcedores no Estádio Heriberto Hulse durante a partida do último domingo (24) contra a Chapecoense, pela última rodada do Campeonato Catarinense.

Um vídeo que circula nas redes sociais desde a noite de domingo mostra um grupo de torcedores do Criciúma gritando “ão, ão, ão, abastece o avião”, em clara referência à causa do acidente aéreo que vitimou o elenco da Chapeconse no fim do ano passado.

“Esse tipo de manifestação de um grupo de torcedores não expressa os princípios do Criciúma Esporte Clube e sua grande massa torcedora, que tem maior respeito não só em relação a Chapecoense, como todos os clubes catarinenses, brasileiros e do futebol mundial”, divulgou a assessoria de imprensa do Criciúma.

Essa não é a primeira vez que torcedores usam o acidente com a Chapecoense para provocar o time rival. Recentemente, torcedores do Porto gritaram em uma partida de handebol em Portugal que “quem me dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica”.

Em março, durante entrevista ao comentarista Flávio Prado para o programa No Mundo da Bola da Jovem Pan, o diretor de futebol da Chape, Rui Costa, lamentou que a delegação da Chape é vítima de piadas de mau gosto em encontro com outros passageiros em voos e aeroportos.

Em campo, o Criciúma bateu o Verdão do Oeste por 1 a 0. Campeã do segundo turno do Campeonato Catarinense, a Chapecoense fará a final do Estadual com o Avaí a partir do próximo domingo (30/4).