Daniel Alves diz que ato de comer banana foi espontâneo e fica feliz com repercussão

  • Por Jovem Pan
  • 29/04/2014 12h34
Daniel Alves pode desfalcar Barcelona no Campeonato Espanhol

A hashtag “Somos todos macacos” e imagens de famosos comendo bananas tomou conta das redes sociais neste começo de semana. A solidariedade ao lateral direito do Barcelona, Daniel Alves, foi assunto mundial, e surpreendeu o jogador.

“Não tinha noção da repercussão. Eu até me assustei com todo mundo mandando mensagem e falando comigo sobre o fato”, disse o jogador em entrevista à Rede Globo.  O camisa dois da Seleção Brasileira contou que foi tudo muito espontâneo, apesar de já ter conversado com outros jogadores sobre o assunto.

Ele lembra que já havia sofrido com gestos racistas, Neymar também, há duas semanas, e que gostaria de fazer algo a respeito, mas que não imaginava que poderia acontecer de alguém jogar uma banana nele durante a partida. “Deu a casualidade de a fruta cair, e minha reação foi pegar e tirar um pedaço, não tinha nada programado. Foi um gesto de brincadeira”.

A ação, no entanto, foi elogiada por muitos, e gerou até comunicados da presidente do Brasil, Dilma Rousseff e do presidente da Fifa, Joseph Blatter. O Barcelona e o Villareal também se pronunciaram, e o clube espanhol comunicou que o torcedor que atirou a banana foi identificado e banido do estádio.

Daniel Alves agradeceu o apoio e se mostrou feliz por ter servido de alguma maneira como exemplo. “Fico feliz de poder contribuir para melhoria do mundo. Não deveria existir esse tipo de coisa no século XXI. O mundo evoluiu e temos que evoluir com ele. O futebol é muito mais do que isso”.