De surpresa, Fifa submete jogadores da seleção argentina a exame antidoping

  • Por Agencia EFE
  • 27/05/2014 16h15

Seis representantes da Fifa se apresentaram sem prévio aviso para tomar amostras de sangue e urina dos 25 jogadores do elenco argentino

Fifa submete seleção argentina a teste antidoping sem aviso prévio

Delegados da Fifa submeteram nesta terça-feira os jogadores da seleção argentina a um exame antidoping de surpresa no Complexo Desportivo de Ezeiza, em Buenos Aires, sede da Associação do Futebol Argentino (AFA).

Seis representantes da Fifa se apresentaram sem prévio aviso para tomar amostras de sangue e urina dos 25 jogadores do elenco argentino.

O único ausente no teste foi Ángel Di María, que só hoje chegou a Buenos Aires e se integrará ao grupo nesta sexta-feira.

Após o exame antidoping do último sábado em Santiago do Chile, nesta manhã foi a vez da seleção argentina e nos próximos dias os delegados devem visitar a seleção colombiana, que cumpre sua última etapa de treinamentos em Buenos Aires.

Após descartar quatro jogadores na semana passada, o técnico Alejandro Sabella começou nesta primeira semana formal de práticas a definir a lista de 23 jogadores que viajarão ao Brasil em 9 de junho.

A seleção argentina estreará em 15 de junho perante a Bósnia-Herzegovina no estádio Maracanã, do Rio de Janeiro.

A seleção argentina deve disputar dois encontros amistosos antes de viajar ao Brasil.

Em 4 de junho, o combinado jogará contra Trinidad e Tobago no estádio do River Plate e três dias depois enfrentará a Eslovênia na cidade de La Plata.