Defensor bate Nacional de Medellín e conquista classificação histórica

  • Por Agência EFE
  • 16/05/2014 01h34

Nicolás Oliveira ajudou o Defensor a superar o Nacional-COL

Nicolás Olivera

O Defensor, do Uruguai, venceu o Nacional de Medellín por 1 a 0 nesta quinta-feira em Montevidéu e se classificou pela primeira vez em sua história para as semifinais da Taça Libertadores da América, onde terá pela frente o Nacional do Paraguai.

Nicolás Olivera marcou o único gol da partida aos 43 minutos do segundo tempo após um contra-ataque veloz puxado por Giorgian De Arrascaeta.

Mesmo marcando no fim da partida, os uruguaios já estavam praticamente garantidos na fase seguinte da competição após administrar a vantagem construída no jogo de ida, quando venceram os colombianos em Medellín por 2 a 0.

O próximo rival do Defensor será o Nacional do Paraguai, mas as partidas acontecem somente depois da disputa da Copa do Mundo, nos dias 23 e 30 de julho. Os paraguaios eliminaram ontem o Arsenal de Sarandí, da Argentina.

A outra semifinal será entre os bolivianos do Bolívar e o San Lorenzo, time do papa Francisco e único grande argentino que nunca conquistou a Libertadores. A última vez que a competição continental não contou com equipes brasileiras nas semifinais foi em 1991.