Dívidas com agente e clube devem ajudar a tirar Marlone do Corinthians

  • Por Estadão Conteúdo
  • 27/12/2016 17h15

Em boa fase Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians Em boa fase

O Atlético-MG avançou nas negociações pela contratação do meia Marlone, do Corinthians, e está próximo de acertar a transferência do jogador. Pela transação, a equipe paulista conseguirá quitar duas dívidas e ainda receberá uma quantia em dinheiro para vender os 50% dos direitos do atleta que pertencem ao clube.

Uma pessoa ligada a diretoria do Corinthians confirmou ao Estadão que a negociação está bem adiantada e caminha para a saída do jogador. A diretoria corintiana chegou a colocar o meia como inegociável, mas mudou de ideia após nova investida do Atlético. Pelo negócio, o Atlético pagará R$ 10 milhões no total pelo jogador. Da quantia, cerca de R$ 8 milhões ficarão para o clube paulista.

O restante será utilizado para pagar a dívida do clube com o empresário de Marlone, Fernando Garcia, pela transação do jogador, e também com o próprio Atlético-MG. O Corinthians deve R$ 600 mil referente à contratação de Giovanni Augusto.

Além disso, o Atlético-MG pagará o valor em parcelas menores e dando uma entrada maior, o que ajudou a diretoria a decidir reabrir as conversas. O dinheiro deverá ser usado na contratação de reforços. Marlone tem contrato até o fim de 2019 e concorre ao Prêmio Puskás pelo gol mais bonito do ano, marcado contra o Cobresal, pela Libertadores.