Dunga elogia estreantes e destaca papel de Kaká: “trouxemos para dar experiência”

  • Por Jovem Pan
  • 13/08/2015 11h44
RIO DE JANEIRO, RJ, 13.08.2015 - SELEÇÃO-BRASILEIRA - O técnico Dunga convoca os jogadores da seleção brasileira para os amistosos contra a Costa Rica e os Estados Unidos, nos dias 5 e 8 de setembro, respectivamente. A convocação ocorreu na sede da Confederação Brasileira de Futebol, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade, nesta quinta-feira, 13. (Foto: Gustavo Serebrenick/Brazil Photo Press/Folhapress)Dunga celebrou os resultados positivos da Seleção em dois amistosos realizados nos EUA

O técnico Dunga surpreende na convocação da Seleção Brasileira feita nesta terça-feira (13). Em coletiva após divulgação da lista de jogadores que disputarão amistosos no mês de setembro, o comandante brasileiro destacou a volta de Kaká e valorizou o bom momento dos estreantes Lucas Limas, Alisson e Douglas Santos.

Mesmo afastado do Barcelona com caxumba, o atacante Neymar foi mantido na lista de convocados. Dunga explicou que o camisa 10 da Seleção terá condições de participar dos amistosos, mas que,  por precaução, decidiu levar 24 atletas. O treinador ainda justificou o nome de Kaká, que volta ao time verde e amarelo.

“Na lista tem 24 jogadores pela questão de tempo hábil. O Neymar vai ficar duas semanas parado e vamos ver se ele tem condições de jogar até o jogo contra a Costa Rica. Levamos outro jogador prevendo algum imprevisto. Quanto ao Kaká, trouxemos para dar experiência, como já fizemos com o Robinho”, explicou o comandante que valorizou a importância de jogadores experientes no grupo.

“Não se faz uma Seleção Brasileira com jovens apenas e nem só jogadores experientes. A média de campeões é formado por times com média entre 28 e 30 anos”, completou.

Estreantes na Seleção, o meia Lucas Lima, do Santos, o lateral Douglas Santos (que tem uma convocação, mas não entrou em campo), do Atlético Mineiro e o goleiro Alisson, do Internacional, foram elogiados pelo treinador  que valorizou o momento dos jogadores.

“O Douglas Santos tem bom poder de marcação, boa leitura e chega bem ao ataque. O Lucas Lima também está sendo muito efetivo. Boa condição de bola. Temos que abrir o leque de observações. O Alysson já teve participação em Toulon, foi muito bem. Tem grande reflexo. Foi bem nos jogos da Libertadores”, analisou.

“Dentro de campo, serão dadas as oportunidades para os jogadores e veremos se eles terão o desempenho satisfatório. O ideal seria ter quatro, cinco jogos, não é possível. O jogador tem que chegar pronto na Seleção Brasileira”, explicou.

Recheada de novidades, A Seleção Brasileira disputará dois amistosos no mês de setembro: dia 5 contra o Brasil enfrenta a Costa Rica, e no dia 8 encara os Estados Unidos.