Ecclestone afirma que propriedade da Fórmula 1 mudará de mãos “este ano”

  • Por Agência Estado
  • 06/10/2015 19h29 - Atualizado em 06/11/2017 11h38
Bernie Ecclestone não se mostrou a favor da presença de mulheres pilotando carros de Fórmula 1

O presidente da Formula One Management (FOM, empresa que gerencia o Mundial de Fórmula-1), Bernie Ecclestone, afirmou nesta terça-feira, durante o simpósio esportivo “Camp Beckenbauer” realizado na cidade austríaca de Kitzbühel, que o proprietário do campeonato mudará “neste ano”.

“Nossos acionistas estão em uma posição na qual têm que perder algumas de suas ações ou a totalidade delas em breve. É assim que as coisas estão para eles”, disse Ecclestone em uma conexão telefônica com o simpósio.

Sobre quem seria o próximo proprietário, Ecclestone disse que “houve um grande interesse e há três partes por enquanto (interessadas), e surpreenderia se algum deles não comprar muito em breve”, acrescentou.

Perguntado sobre quando ocorreria a mudança, Ecclestone respondeu que seria “este ano”. Atualmente, a CVC Capital Partners é a acionista majoritária da Fórmula 1.