Elias marca contra o Inter e coloca Corinthians na liderança do Brasileiro

  • Por Jovem Pan com Estadão Conteúdo
  • 31/07/2016 17h59

Elias marcou o gol da vitória corintiana em cima do Inter

Elias marcou o gol da vitória corintiana em cima do Inter

 Um encontro entre Corinthians e Internacional sempre é repleto de expectativa por conta do histórico recentes de provocações entre paulistas e gaúchos. Desta vez, o duelo teria um sabor a mais para os alvinegros que, além de brigar pela liderança, reencontraria com seu algoz na Libertadores, o uruguaio Nico López, que entrou somente no segundo tempo. Todos estes ingredientes favoreceram o Corinthians, que deixou o Beira Rio com uma importante vitória por 1 a 0.

Desde o começo o time paulista conseguiu mostrar melhor aproveitamento que os mandantes, principalmente com Elias. Voltando ao time titular após oito rodadas, o volante mostrou que pode ser um dos pilares do novo sistema tático do Corinthians implantado por Cristóvão Borges, que trocou o esquema 4-2-3-1 pelo tradicional 4-4-2. O jogador, que herdou a vaga de Rodriguinho, deu maior consistência ao meio de campo da equipe paulista e ainda marcou o gol da vitória sobre o Internacional por 1 a 0, neste domingo à tarde, no Beira-Rio, levando o time paulista aos 33 pontos no G4 do Brasileirão.

Enquanto o Timão se mantém na briga pela liderança, o Inter segue demonstrando dificuldade para se impor, mesmo em casa. Sem vencer sob o comando de Paulo Roberto Falcão, o time gaúcho aumentou o seu jejum para nove jogos, sendo que acumula sete derrotas e dois empates neste período. Assim, estacionou nos 21 pontos e segue sem conseguir se distanciar da zona do rebaixamento.

Demorou 15 minutos para a movimentação do ataque paulista ter seu primeiro lampejo de bom futebol. Romero abriu pela esquerda e tentou acionar Elias, que entrava livre na área do Inter, mas a bola acabou batendo em André e deixando o volante em impedimento.

Mesmo jogando fora de casa, o Corinthians comandou as ações e conseguiu abrir o placar. Giovanni Augusto e Romero fizeram rápida troca de passes dentro da área e criaram espaço para a chegada de Elias, que bateu colocado da entrada da área, tirando de Marcelo Lomba.

Na primeira etapa o Inter deixou a bola com o Corinthians, mas não conseguiu acertar um bom contra-ataque. A única boa oportunidade veio com Valdívia, que aproveitou uma bola escorada por Ariel para exigir uma defesa de Cássio.

Na volta para o segundo tempo, Falcão fez duas mudanças. Nico López e Eduardo Sasha entraram nos lugares de Valdívia e Vitinho, respectivamente. 

As trocas deram mais velocidade ao jogo. Mas, se sobrava transpiração aos jogadores, faltava inspiração. As duas equipes tentavam explorar jogadas pelas laterais, no entanto falhavam na hora de encontrar um jogador para empurrar a bola para o fundo das redes. 

Por duas oportunidades, Luciano e Romero perderam a chance de ampliar o marcador, mas o Corinthians segurou com relativa tranquilidade a tentativa de pressão do Inter e assim somou mais três pontos na luta pelo título. 

A equipe paulista volta a campo na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Atlético-PR, às 21h45, na Arena da Baixada, em Curitiba. André, suspenso após receber o terceiro cartão amarelo, é um desfalque certo para Cristóvão Borges. Já o Internacional voltará a lutar para encerrar o seu jejum na quinta, às 21 horas, no Independência, em Belo Horizonte, diante do desesperado vice-lanterna Cruzeiro.