Em entrevista, Pai de Neymar critica direção do Santos: “precisa ter critério”

  • Por Jovem Pan
  • 07/12/2015 09h53
Reprodução Facebook/Reprodução Pai de Neymar criticou postura da diretoria do Santos que questiona contratos com o Barcelona

Principal foco da justiça espanhola que investiga possíveis irregularidades na transferência de Neymar para o Barcelona, o pai do jogador não entende a posição do Santos no meio de toda a polêmica. Em entrevista ao programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, neste domingo (7), o empresário criticou a postura da direção santista que questiona os contratos firmados na negociação, mas cobra valor pela indicação do atacante ao prêmio de melhor do mundo.

“O Santos entra na Fifa contra o Barcelona, mas já deve ter até cobrado os 2 milhões de euros pela indicação dele. Não entendo esse critério. O contrato não é legítimo. Mas, para cobrar, você cobra. Nesse caso, todas as dimensões contratuais são válidas. Precisa ter um pouco de critério e hombridade”, destacou Neymar Pai, lembrando a clausula firmada entre os dois clube que garantia ao Peixe o direito de receber uma bonificação caso o camisa 11 fosse indicado ao prêmio de melhor do mundo da Fifa.

Responsável pela carreira de seu filho, Neymar destacou que não há irregularidades na transferência do jogador para o Barcelona e criticou a formação dos dirigentes brasileiros.

“A ação do Santos é como chegar para a Fifa e dizer que ela fez tudo errado, porque a transação passou por todos os processos. Foi uma transação totalmente normal e legítima, mas estão nos acusando de todas as coisas possíveis por falta de entendimento e sabedoria administrativa que o futebol brasileiro não tem. Os dirigentes não assumem o que eles mesmo assinam”, afirmou.