Em jogo antecipado, São Paulo e Internacional não passam do 1 a 1

  • Por Jovem Pan
  • 12/11/2014 23h57

São Paulo e Internacional não passaram de um empate no Morumbi

Folhapress São Paulo e Internacional se enfrentam no Morumbi

O São Paulo recebeu o Internacional na noite desta quarta-feira (12), no Estádio do Morumbi, para confronto antecipado da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo era decisivo para ambas as equipes, já que o Tricolor está ‘caçando’ o líder Cruzeiro, enquanto que o Internacional luta por uma vaga na Copa Libertadores. Porém, ao final de 90 minutos de partida, as duas equipes não passaram de um empate por 1 a 1.

O Internacional abriu o placar no primeiro tempo, com gol de cabeça marcado por Paulão. O lance gerou bastante reclamação por parte dos são-paulinos, já que o zagueiro colorado estava em posição de impedimento no lance. O São Paulo empatou no início do segundo tempo, com Luis Fabiano, e o placar não foi mais alterado.

Com o resultado, o Internacional chega aos 57 pontos conquistados no Campeonato Brasileiro (campanha de 17 vitórias, seis empates e 11 derrotas) e assume, ainda que provisoriamente, a terceira colocação. Já o São Paulo chega nos 63 pontos (18 vitórias, nove empates e sete derrotas) e desperdiça a chance de diminuir mais a diferença em relação ao líder Cruzeiro, que tem 67 pontos em 33 partidas disputadas.

O próximo compromisso do São Paulo no Campeonato Brasileiro é o clássico contra o Palmeiras, que será disputado neste domingo (16), às 19h30 (de Brasília), e válido pela 34ª rodada. No mesmo dia, mas às 17h, o Internacional recebe o Goiás, no Estádio Beira-Rio.

O jogo – A partida começou movimentada no Morumbi e o São Paulo tentou se impor dentro de campo desde os instantes iniciais. Apesar disso, a primeira boa finalização foi do Internacional, aos cinco minutos, com Jorge Henrique, mas Rogério Ceni fez a defesa.

A primeira chance um pouco mais incisiva do Tricolor foi aos sete, quando Luis Fabiano bateu de fora da área, mas o goleiro Alisson não teve maiores problemas para fazer a defesa.

Os primeiros minutos de duelo foram de raras chances de gol, mas o Internacional abriu o placar aos 17 minutos. Jorge Henrique sofreu falta na intermediária e Alex mandou a cobrança na área. Bertotto desviou a bola no meio do caminho e Paulão, em condição irregular, completou de cabeça para o fundo das redes, mas o gol foi validado: 1 a 0.

Quem foi destaque aos 20 minutos foi o goleiro Alisson. Após falta cobrada por Michel Bastos, da direita, bola foi desviada no meio da área e pegou na trave. Na sobra, Ganso bateu cruzado e Lucão finalizou duas vezes da pequena área, mas o arqueiro do Internacional fez duas defesas espetaculares, de puro reflexo.

Alisson foi bem novamente aos 22, quando Luis Fabiano aproveitou cochilo da defesa colorada e cabeceou, mas o goleiro do time gaúcho fez outra importante defesa.

No restante do primeiro tempo, a partida ficou bem morna, já que os times pouco criaram chances de gol. O São Paulo ficou bastante tempo com a bola, mas esbarrou na bem postada defesa do Internacional.

Luis Fabiano chegou a levantar a torcida aos 44, quando finalizou de fora da área, mas a bola desviou em Paulão e saiu para escanteio. Na cobrança do tiro de canto, Michel Bastos mandou na cabeça de Edson Silva, mas a finalização foi por cima do gol de Alisson.

A etapa inicial terminou com o Internacional vencendo o São Paulo, fora de casa, por vantagem mínima no placar.

Com dois minutos de segundo tempo, Rogério Ceni errou na saída de bola e Alex tentou encobrir o goleiro do São Paulo, mas mandou a finalização para fora.

O São Paulo chegou ao empate aos quatro minutos, quando Hudson cruzou da direita e Luis Fabiano finalizou com o pé. O atacante pegou mal na bola, mas ainda assim conseguiu deixar tudo igual no Morumbi.

Com 12 minutos no relógio, o Internacional teve chance em contra-ataque, após cobrança de escanteio do São Paulo, Nilmar rolou para Jorge Henrique, no meio, mas o camisa 23 não chegou finalizando e desperdiçou a chance.

O goleiro Alisson voltou a se destacar aos 18 minutos, quando Ganso deu belo lançamento para Luis Fabiano e o camisa 9 cabeceou firme, mas o arqueiro colorado espalmou e evitou o segundo gol são-paulino.

O Internacional errou na saída de bola, aos 22 minutos, e Ganso recuperou e partiu em direção à área, sendo derrubado na entrada da zona do Internacional. Na cobrança, Rogério Ceni bateu por fora da barreira e assustou o goleiro Alisson.

Na metade final do segundo tempo, as chances de gol do São Paulo foram mais escassas, o Internacional até conseguiu criar algumas oportunidades, mas não chegou muito perto de fazer o segundo, e o empate persistiu. Uma igualdade que não agrada nem a São Paulo e nem a Internacional.