Em nota, Vasco anuncia rompimento com principal torcida organizada do clube

  • Por Jovem Pan
  • 10/02/2015 21h01

Em nome do presidente Eurico MirandaEurico Miranda

O Vasco da Gama divulgou uma nota oficial em seu site, nesta terça-feira (10), deixando claro que está rompendo relações com a Força Jovem, principal torcida organizada do clube. A medida se dá depois do conflito recente dentro da própria torcida nas arquibancadas de São Januário, o que obrigou a polícia a intervir.

O provável motivo do conflito é a existência de grupos a favor do retorno do presidente Eurico Miranda e outros contra a volta do mandatário.

No comunicado divulgado pelo alvinegro carioca, assinado por Eurico, o clube ressalta que não reconhece a Força Jovem “enquanto perdurar a suspensão imposta pela Justiça e os seus conflitos internos”. A suspensão citada diz respeito ao episódio na Arena Joinville, em 2013.

Confira a nota do Vasco da Gama na íntegra:

Tendo em vista as investigações desenvolvidas pelo Ministério Público, pela Polícia e pelo Poder Judiciário, o Club de Regatas Vasco da Gama comunica que, por decisão de Diretoria, não reconhece a torcida Força Jovem, enquanto perdurar a suspensão imposta pela Justiça e os seus conflitos internos.

Esta comunicação foi encaminhada através de ofício à Federação de Futebol do Rio de Janeiro, ao Gepe – Grupamento Especial de Policiamento em Estádios – e ao Ministério Público.

Eurico Miranda

Presidente