Emissora australiana aponta 40 partidas de tênis suspeitas de manipulação

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2016 20h01
Na estreia do Australian Open

Depois da recente denúncia de manipulação de resultados no tênis abalar o esporte ao redor do mundo, começaram investigações para tentar apontar as partidas nas quais isso teria acontecido. Foi o que fez o programa Four Corners, do canal australiano ABC.

A investigação apontou 40 jogos em que um tenista teria entregado o resultado para beneficiar apostadores. Além disso, foi criada uma espécie de “lista negra” com o nome de 350 tenistas suspeitos de participar do esquema, sendo que dez deles jogaram no Australian Open, em janeiro.

De acordo com a emissora, a maioria desses tenistas são de países emergentes da América do Sul, Ásia e leste da Europa. Por outro lado, dez deles já teriam disputado um Grand Slam na carreira. As partidas investigadas aconteceram em países como Alemanha, Colômbia, Marrocos e Rússia.