Enteado de Aranha aponta “palhaçada” e diz ter orgulho do “pai negro”

  • Por Jovem Pan
  • 29/08/2014 09h22

Filho do goleiro apoiou o paiFilho de Aranha manifesta apoio ao pai

Os atos racistas da torcida do Grêmio contra o goleiro Aranha na derrota para o Santos, na última quinta-feira, em Porto Alegre, revoltaram o filho do jogador. Através do Instagram, Bernardo, que na verdade é enteado* do arqueiro santista, definiu como palhaçada os insultos proferidos na última noite e diz ter muito orgulho do pai.

“Já cansei disso que palhaçada! #somostodosmacacos até quando isso vai acabar (sic)! Eu tenho orgulho de ter um pai negro!”, escreveu.

Aranha foi vítima de xingamentos ao fim da partida. A torcida que se encontrava na geral começou a chama-lo de macaco. Uma câmera da “ESPN” mostrou uma torcedora, ainda não identificada, gritando insultos racistas contra o camisa 1 do Peixe.

Sem pronunciamento oficial do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) até o momento, o Grêmio provavelmente receberá alguma punição por conta do ato impensado de alguns de seus torcedores.

*Ao contrário do que foi dito, na verdade Bernardo é enteado do goleiro Aranha. A informação foi corrigida às 21h40 de sexta-feira.