Equador aterrissa em Porto Alegre recepcionado por poucos torcedores

  • Por EFE
  • 09/06/2014 22h01
Seleção Equatoriana chega à Porto Alegre

A seleção do Equador, com o técnico Reinaldo Rueda à frente, aterrissou nesta segunda-feira em Porto Alegre recepcionada no aeroporto por pouco mais de dez torcedores.

Passar das oitavas de final, a marca histórica alcançada na Alemanha em 2006, será o desafio dos homens que voaram de Quito até Porto Alegre, com escala na Bolívia. No total, dois voos que somaram quase oito horas.

Em meio a medidas de segurança espetaculosas, com 30 policiais, cães de guarda, um helicóptero, escolta policial e até membros do exército brasileiro, a seleção equatoriana aterrissou em Porto Alegre visivelmente cansada.

Do avião passaram diretamente ao ônibus e, após 20 minutos parados para ordenar toda a documentação e colocar no porta-malas todo a bagagem, saíram diretamente para o complexo de Vila Ventura, situado na cidade de Viamão, a 30 quilômetros da capital do Rio Grande do Sul.

Ali começarão amanhã a treinar para preparar-se em terras brasileiras para o primeiro jogo da Copa do Mundo, contra a Suíça.

Na saída do Equador, receberam o carinho de centenas de torcedores, mas, na chegada ao Brasil, poucos estavam presentes no aeroporto pra receber seus ídolos.

Um deles, um equatoriano estabelecido em Porto Alegre, se mostrou otimista com a seleção. “Acho que desta vez vamos passar das oitavas de final. Vim ao aeroporto receber jogadores que acho que vão fazer história”, comentou à Efe.