Ericsson é punido por choque com Massa, mas brasileiro segue irritado

  • Por Jovem Pan
  • 24/05/2014 14h38
Felipe Massa no treino do Grande Prêmio de Monaco

Em processo de desaceleração após garantir vaga na segunda parte do treino classificatório para o Grande Prêmio de Monaco, neste sábado, Felipe Massa (Williams) foi atingido por Marcus Ericsson (Caterham) e acabou de fora do restante da sessão. E, poucas horas depois, os comissários da Fórmula 1 reconheceram o erro do competidor sueco e anunciaram punição ao piloto, que deverá largar dos boxes, neste domingo.

Na primeira parte do classificatório deste final de semana, Massa estava garantindo sem maiores dificuldades vaga para o Q2. Detentor do décimo tempo mais veloz, o brasileiro cumpria volta de desaceleração para ir aos boxes quando abriu passagem para Ericsson, ainda em volta rápida. O sueco, porém, entrou rápido demais na curva e acertou o piloto da Williams, que acabou não tendo condições de prosseguir no treino e sairá na 16ª posição.

“Era minha última volta e eu realmente não havia conseguido encontrar pista limpa antes. Minhas voltas travaram e acabei indo para o canto, contra a parede. É uma pena que Felipe estivesse lá e posso entender sua frustração”, afirmou o competidor da Caterham.

Massa, por sua vez, segue sem conseguir fazer frente ao seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, que conquistou a 13ª posição no grid de largada. Desde que chegou ao time britânico, o piloto brasileiro somou apenas 12 pontos em cinco etapas disputadas, enquanto o finlandês acumulou 34 pontos neste ano.

“Nada muda para Ericsson, mas para mim muda tudo. Sei que essas são as regras, então, o que posso fazer. Os administradores fazem o que eles acreditam que seja correto, só que isso não muda o outro carro. Abri espaço para ele, que passou por cima de mim”, encerrou o vice-campeão mundial de 2008, atrás de Lewis Hamilton.

Sexta etapa do calendário oficial do Mundial de Fórmula 1 desta temporada, o Grande Prêmio de Monaco está programado para ocorrer neste domingo, às 9 horas (de Brasília). Lewis Hamilton lidera a disputa entre pilotos, com 100 pontos, seguido de perto por Rosberg, com 97 pontos. Felipe Massa, por sua vez, é o 12º colocado, com 12 pontos.