Espanha marca no fim e arranca empate no amistoso em casa com a Colômbia

  • Por Estadão Conteúdo
  • 07/06/2017 19h30
Illarramendi passa pela marcação de Carlos Sánchez na partida entre Espanha e Colômbia

A seleção espanhola suou muito e precisou de um gol já nos minutos finais da partida para arrancar um empate com a Colômbia nesta quarta-feira. Mesmo atuando em casa, em Múrcia, o time europeu sofreu e só chegou ao 2 a 2 graças à estrela do atacante Morata, que balançou a rede aos 41 minutos do segundo tempo.

É bem verdade que a Espanha entrou em campo sem pelo menos três nomes considerados titulares – Busquets, Thiago Alcântara e Diego Costa -, mas a atuação decepcionou. Agora, o país volta as atenções para as Eliminatórias para a Copa do Mundo do ano que vem, pela qual encara a Macedônia neste domingo, fora de casa.

Por outro lado, a Colômbia pôde comemorar o fato de ter feito frente a uma das principais seleções do mundo, mas deixou escapar um resultado até certo ponto histórico no fim. Na próxima terça-feira, a seleção volta a campo para outro amistoso, desta vez diante de Camarões, novamente na Espanha.

Em casa e apoiada pela torcida, a Espanha foi para cima no início nesta quarta e criou as primeiras oportunidades. Aos nove, Iniesta encontrou David Silva com um lindo passe, o meia tentou três vezes e parou em Ospina e na defesa colombiana em todas. Aos 19, Pedro arriscou de fora da área, mas jogou por cima.

De tanto insistir, a Espanha saiu na frente aos 21 minutos. Novamente, a jogada começou nos pés de Iniesta, passou por Iago Aspas e chegou a Pedro, que recebeu na direita e chegou cruzando David Silva aproveitou cochilo da defesa para finalizar. Ospina ainda tocou na bola, mas não conseguiu desviá-la do gol.

A Espanha ainda chegaria com perigo uma outra vez com Iago Aspas, que tentou de letra. Mas o gol acordou a Colômbia, que respondeu. Aos 33, James Rodríguez recebeu na área, cortou a marcação e bateu de trivela, com perigo.

Mas os visitantes só chegariam ao empate em falha do sistema defensivo espanhol, aos 39. Com a jogada tranquila e dominada, Piqué, Azpilicueta e Reina ficaram cercando a bola, esperando que alguém tomasse alguma decisão. Cardona, esperto, se antecipou e conseguiu o toque por cima do goleiro para balançar a rede.

As equipes voltaram mudadas para o segundo tempo, que perdeu em emoção. Só que mesmo sem insistir muito, a Colômbia conseguiu a virada no início. Aos nove minutos, James Rodríguez cobrou escanteio da direita e Falcao García chegou por trás do goleiro para finalizar de cabeça.

A partir daí, a Espanha se lançou ao ataque e chegou a ter bons momentos, com Koke, em cobrança de falta, e Morata, em cabeçada que levou perigo, mas a Colômbia mostrava maturidade para segurar o placar. Isso até os 41 minutos, quando Morata recebeu cruzamento da esquerda e desviou de cabeça cruzado, sem chance para Ospina.