Ex-campeão mundial de boxe, Bobby Chacon morre aos 64 anos

  • Por EFE
  • 08/09/2016 09h46

Bobby Chacon foi campeão mundial de boxe e aposentou-se do esporte em 1988

Bobby Chacon foi campeão mundial de boxe e aposentou-se do esporte em 1988

O lendário ex-campeão do mundo dos pesos pena e super pena, o americano Bobby Chacon, morreu nesta quarta-feira, aos 64 anos, enquanto se encontrava sob o programa de cuidados paliativos para a demência.

A informação de sua morte foi confirmada pelo legista do condado de Riverside, Brent Seacrest. Ele disse que Chacon faleceu em sua casa, “com sua família presente ao lado de sua cama”.

Chacon ingressou no Hall da Fama do Boxe em 2005 após ter sido campeão em ambos pesos pelo Conselho Mundial de Boxe (CMB) e como profissional durante 16 anos, estabeleceu uma marca de 59 vitórias, sete derrotas e um combate nulo, sendo 47 triunfos por nocaute.

Nascido no sul da Califórnia, foi protagonista de várias lutas, como as vitórias sobre os mexicanos Rafael “Bazooka” Limón e Rubén Olivares e seu compatriota Freddie Roach, que depois se tornou um dos maiores treinadores de boxe.

Depois de pendurar as luvas em junho de 1988, Chacon começou a sofrer com problemas de memória e outros problemas físicos que afetaram sua saúde.

A outra realidade negativa na vida de Chacon foi que não teve sorte com os negócios e perdeu toda fortuna que tinha conseguido durante sua carreira no boxe, que de alguma maneira também contribuiu para sua morte.