Falcao pede que colombianos rezem por sua recuperação antes de cirurgia

  • Por Agencia EFE
  • 25/01/2014 02h08
Falcao dribla pelo Monaco contra o Lorient

O atacante Falcao García, da Colômbia, agradeceu nesta sexta-feira em Portugal as mensagens de apoio que recebeu de seus compatriotas e pediu suas orações para poder estar na Copa do Mundo, poucas horas antes de entrar na sala de cirurgia para ser submetido a um procedimento no joelho pela lesão que sofreu na última quarta-feira.

“Muito obrigado a todo o país pelo apoio, pelo amor que encheu meu coração e me deu muita força para lutar nestas últimas horas tão difíceis”, foi a mensagem de Falcao para a imprensa colombiana (“Caracol Televisión” e “RCN”), que o acompanham em Portugal.

O jogador prometeu que “a partir de amanhã vou a dar tudo de mim para chegar ao Mundial. Um abraço grande e espero suas orações”, disse.

O atacante do Monaco da França, que apareceu de muletas, se mostrou tranquilo e à espera da cirurgia deste sábado da qual todos os colombianos, seu clube e todos os seus admiradores em várias partes do mundo esperam com expectativa.

Falcao, de 27 anos, sofreu na última quarta-feira uma ruptura do ligamento anterior cruzado da perna esquerda, em uma jogada com defensor Soner Ertek do Chasselay, da terceira divisão francesa.

Por outro lado, a mãe do jogador, Carmenza Zárate, se mostrou otimista com os resultados da cirurgia de seu filho.

“Ele (Falcao) está tranquilo, sabendo que Deus está com ele, além disso, tem experiência com lesões e recuperações, e está em boas mãos”, disse Carmenza.

Apesar da lesão de seu filho que praticamente o tirou da Copa do Mundo, a senhora Zárate reprovou os insultos feitos contra o jogador que causou a lesão.

“Primeiro quero lhe enviar (a Soner Ertek) uma saudação de paz, de tranquilidade. Nós sabemos que ele não teve culpa pela lesão, e que as pessoas tenham um pouquinho de piedade com os supostos carrascos de Falcao”, afirmou.