Federer vence francês e agora terá Murray pela frente em Wimbledon

  • Por Agência EFE
  • 08/07/2015 13h28
Federer venceu o francês Simon e garantiu vaga nas semifinais de Wimbledon

Em jogo com duas paralisações por causa da chuva, o suíço Roger Federer garantiu nesta quarta-feira seu lugar nas semifinais de Wimbledon, ao vencer sem muita dificuldade o francês Gilles Simon, e agora encarará o britânico Andy Murray, que recebeu apoio de muitas personalidades para avançar na disputa.

O número 2 do mundo, sete vezes campeão na grama londrina, despachou o rival por 3 sets a 0, com parciais de 6-3, 7-5 e 6-2, em apenas uma hora e 34 minutos de confronto, sem contar as suspensões necessárias.

Esta é a décima semifinal que o suíço disputará em Wimbledon, graças a um desempenho muito forte no serviço, com 80% de pontos garantidos logo no primeiro saque, além de uma direita afiada, com 36 golpes vencedores.

Agora, Federer fará duelo de gigantes com o britânico Andy Murray, que também não encontrou dificuldades na jornada de hoje e despachou o canadense Vasek Pospisil também em três sets, com parciais de 6-4, 7-5 e 6-4, em duas horas e 11 minutos.

O cabeça de chave número 3 ganhou apoio de peso nas arquibancadas da quadra central, contaram com a presença dos princípes William e Kate, e do ex-craque do futebol David Beckham. Além deles, o princípe Albert, de Mônaco, e o ator americano Bradley Cooper também assistiram ao jogo.