Felipão aparece na Av. Paulista para fechar com clube estrangeiro

  • Por Jovem Pan
  • 01/06/2015 14h41
Felipão revelou a Flávio Prado que deve fechar com clube do exterior para "ganhar muito dinheiro"

Quem passou pela Avenida Paulista, altura do número 800, às 14h desta segunda-feira (1), provavelmente se encontrou com um senhor de bigode branco, camisa listrada e jaqueta branca. O jornalista Flávio Prado, da Rádio Jovem Pan, foi um dos que encontraram o técnico Luiz Felipe Scolari no meio fio da famosa avenida.

Felipão revelou que acabara de chegar de Portugal estava em São Paulo para participar de uma reunião e fechar negócio. Segundo ele, é uma proposta do exterior, e pode-se especular que seja de um clube da China ou do mundo árabe, pois é “para ganhar muito dinheiro”, nas palavras do treinador.

O ex-técnico de Palmeiras, Seleção Brasileira e Grêmio, de onde se demitiu em maio deste ano, ainda comentou a histórica derrota por 7 a 1 na Copa do Mundo. “Eu tive culpa nos 7 a 1, é claro. Mas agora, um time perde clássico e o derrotado fala do 7 a 1. O que é meu eu não nego, mas não posso assumir a culpa pelo mal momento do futebol brasileiro. Não há mais o mesmo número de bons jogadores. E naquele dia, tudo deu errado”, disse.

Um dos motivos da goleada teria sido a ausência de Neymar, contundido, e Thiago Silva, suspenso. “Hoje, perder alguns jogadores faz muita diferença. O Bayern tomou goleada do Barcelona porque faltaram alguns titulares importantes como Robben e Ribery. No jogo contra os alemães eu não tinha meu capitão e o Neymar. E demos azar. Dante, que joga na Alemanha, errou num lance e saiu gol. Acontece. Depois o Fernandinho, que tinha sido meu melhor jogador na partida anterior, também não teve sorte numa jogada e saiu outro gol São coisas que ocorrem no futebol”, justificou Felipão.