Felipe Melo faz vídeo contra “vagabundos” e declara apoio a Bolsonaro

  • Por Jovem Pan
  • 01/05/2017 14h37

Felipe Melo afirmou que foi chamado de "macaco" durante jogo com o Peñarol

Felipe Melo afirmou que foi chamado de "macaco" durante jogo com o Peñarol

Volante do Palmeiras e dono de declarações polêmicas, Felipe Melo publicou um vídeo em referência ao Dia do Trabalho, comemorado nesta segunda-feira, em que declara apoio ao também polêmico presidenciável Jair Bolsonaro.

“Posso falar uma coisinha? Deus abençoe todos os trabalhadores e ‘pau’ nos vagabundos. Bolsonaro neles”, afirmou Felipe em postagem em seu perfil no Instagram.

Diante da repercussão do vídeo, o camisa 30 do Verdão fez outra postagem explicando quem são os “vagabundos” que ele cita.

“Quando eu falo de vagabundo, eu falo de pessoas que querem tumultuar o nosso país. Então, hoje vai meu abraço especial para todos aqueles que correm atrás, todos os trabalhadores. E todos aqueles que estão correndo atrás que por ventura não tem hoje emprego, infelizmente vivemos um momento difícil”, declarou o volante.

O jogador também reforçou o seu apoio ao deputado do PSC-RJ, que atualmente ocupa o segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto para Presidente em 2018: “Deus abençoe todos vocês e, sim, eu sou Bolsonaro”.

Felipe Melo é um dos principais destaques do Alviverde nesta temporada. Ele pegou três jogos de suspensão na Libertadores por conta do soco que deu em um jogador do Peñarol em briga generalizada na última quarta-feira, após a virada do Palmeiras por 3 a 2 no Uruguai.