Festa por título do Athletic Bilbao leva 50 mil pessoas para as ruas

  • Por Agência EFE
  • 18/08/2015 17h19
EFE Jogadores do Bilbao levantam troféu da Supercopa da Espanha com multidão de torcedores ao fundo

Cerca de 50 mil pessoas saíram as ruas nesta terça-feira, para comemorar o título conquistado pelo Athletic Bilbao na Supercopa da Espanha, obtido ontem em duelo com o Barcelona, que encerrou jejum de 31 anos da equipe basca.

A movimentação na cidade de Bilbao começou ainda pela manhã, com mais de duas mil pessoas presentes no treino realizado no CT do clube.

Após a atividade, preparatória para o duelo desta quinta-feira contra o Zilina, da Eslováquia, pelo playoff da Liga Europa, os jogadores foram oferecer o troféu à Virgem de Begoña, padroeira da cidade.

A partir daí, começou uma curta viagem de ônibus até a prefeitura de Bilbao, onde, enfim, o elenco poderia estar mais próximo da multidão de 50 mil pessoas que festejava a conquista história do Athletic.

Os jogadores foram recebidos pelo prefeito da cidade, Juan Mari Aburto, entraram no prédio da administração municipal, para poderem se dirigir aos torcedores de uma das varandas, por meio de um megafone.

“Vocês entraram na história do futebol, na história de Bilbao. Ontem, foram aquele David que venceu o gigante Golias e essa façanha será sempre lembrada. Com todo o respeito aos demais povos do mundo, isto é possível em Bilbao, pois somos capazes de ganhar do melhor time do mundo, talvez por sermos o melhor time do mundo”, disse o prefeito.

O mestre de cerimôninas informal acabou sendo o jovem atacante Iker Muniain, que apresentou cada companheiro, sendo o primeiro deles, o capitão e meia Carlos Gurpegui, que não se separou da taça da Supercopa por um minuto sequer.

“Hoje é um dia histórico. Foram 31 anos esperando este momento. Se há um clube que merece isso é o Athletic. Como nas grandes famílias, os momentos ruins são bons e os bons são excelentes”, garantiu o experiente jogador.

Por fim, após uma hora de trajeto por ruas lotadas, o ônibus que levava os campeões se dirigiu até o Foral de Bizkaia, sede do governo regional. onde a delegação foi recebida pelo deputado-geral Unai Rementeria e por 112 prefeitos bascos.