Fifa mantém pena a Suárez, mas CAS poderá reduzir a punição

  • Por Jovem Pan
  • 04/08/2014 20h06
Luis Suárez é o novo reforço do Barcelona

O Comitê Disciplinar da Fifa anunciou nesta segunda-feira (4) que a pena imposta a Luis Suárez por conta da mordida que deu no zagueiro italiano Chiellini, durante a Copa do Mundo de 2014, foi mantida.

O atacante da seleção uruguaia e recém-contratado pelo Barcelona foi punido por quatro meses e terá que ficar afastado dos campos de futebol neste período. Nesta sexta-feira (8), Suárez vai apelar da pena importa pela entidade máxima do futebol mundial e a apelação será julgada pela Corte Arbitral do Esporte (CAS).

A Corte Arbitral do Esporte, entretanto, ainda não estabeleceu um prazo para o julgamento da apelação do jogador e, assim, por enquanto, o atacante não poderá atuar com a camisa do Barcelona antes do mês de outubro.

Com a punição da Fifa, Luis Suárez não pode realizar qualquer atividade relacionado ao futebol, ou seja, ele não pode treinar e nem ser apresentado pelo Barcelona de forma oficial. Os advogados do uruguaio acreditam que o CAS irá diminuir a pena ou ao menos permitirão que o atacante participe de treinos da equipe catalã.