Fifa pune CBF pela terceira vez por conta de gritos homofóbicos da torcida

  • Por Jovem Pan
  • 27/04/2017 12h42
Jogadores comemoram o gol de CoutinhoBrasil enfrenta o Paraguai na Arena Corinthians; confira as fotos do duelo

A CBF foi punida pela Fifa por conta dos gritos de “bicha” feitos pela torcida brasileira no confronto com o Paraguai, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, no último dia 28 de março.

A entidade máxima do futebol divulgou nesta quinta-feira (27) que aplicou uma multa sobre a CBF no valor de 35 mil francos suíços (mais de R$ 110 mil reais) por conta de “incidentes envolvendo comportamento discriminatório e antidesportivos dos fãs, incluindo cânticos homofóbicos”.

Esta é a terceira vez que a CBF é punida por conta dos gritos homofóbicos. A primeira foi na partida da Seleção contra a Colômbia, em setembro do ano passado em Manaus, e contra a Bolívia, em partida disputada em Natal no mês de outubro.

Além do Brasil, também foram multadas por conta de homofobia as confederações da México e da Argentina, e terão que pagar multa nos valores de 10 mil e 20 mil francos, respectivamente.

É bem provável que a CBF recebeu uma multa maior que México e Argentina por conta da recorrência de punições. Foi o histórico de punições que fez a seleção do Chile atuar em dois jogos com portões fechados no ano passado. Os chilenos haviam sido notificados oito vezes por conta do comportamento homofóbico dos torcedores.