Fifa remove punição e permite que Messi jogue pela Argentina

  • Por Jovem Pan
  • 05/05/2017 11h04

Messi anotou um gol e ainda deu duas assistências na vitória da Argentina

Messi anotou um gol e ainda deu duas assistências na vitória da Argentina

A Fifa anunciou nesta sexta-feira que aceitou o recurso de Lionel Messi e retirou a punição imposta ao argentino, permitindo assim que ele atue no próximo jogo da seleção argentina pelas Eliminatórias da Copa.

“A Comissão de Apelação da Fifa aceitou o recurso apresentado pela Associação Argentina de Futebol em nome do jogador Lionel Messi de recorrer da decisão tomada pelo Comitê Disciplinar da Fifa, levantando assim as sanções que lhe foram impostas”, declarou a entidade máxima do futebol.

Messi foi punido com quatro jogos de suspensão por ter dirigido palavras agressivas ao árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci e ao assistente Emerson Carvalho. Entretanto, o fato sequer foi registrado na súmula da partida e o Comitê Disciplinar decidiu por punir o jogador através das imagens da TV.

“Apesar de a Comissão de Apelação da FIFA considerar o comportamento de Lionel Messi como reprovável, concluiu-se que os elementos de prova disponíveis não eram suficientes para estabelecer a norma adequada”, afirma a Fifa.

Mesmo com a retirada da punição, a entidade reforça que considera o comportamento de Messi como reprovável: “o Comitê lembra que o respeito pelos árbitros é essencial e deve ser uma constante no futebol, portanto, qualquer atitude contrária ao princípio do fair play ou espírito esportivo deve ser rejeitado”.

Messi foi punido na partida entre a Argentina e Chile, em 23 de março. Ele ficou fora da derrota diante da Bolívia e voltaria apenas na última rodada das Eliminatórias, em outubro. A Argentina está em quinto lugar e teria que ir à repescagem contra uma seleção da Oceania para conseguir sua vaga na Copa da Rússia no ano que vem.