Figo demonstra otimismo após reunião com dirigentes sul-americanos

  • Por Agencia EFE
  • 04/03/2015 16h12
Luis Figo participou de evento no Brasil

O português Luis Figo se mostrou esperançoso nesta quarta-feira, em entrevista à Agência Efe, após se encontrar com os dirigentes da Conmebol e das federações nacionais da América do Sul, em Assunção, no Paraguai.

“Espero ter conseguido convencê-los de que podem me apoiar”, garantiu o ex-jogador de Barcelona, Real Madrid e Inter de Milão, que concorrerá no pleito de 28 e 29 de maio.

Figo se reuniu com dirigentes sul-americanos nesta terça-feira, durante uma pausa do 65º Congresso Ordinário da Conmebol, que entre outra decisões, elegeu o paraguaio Juan Ángel Napout como presidente da entidade pelos próximos quatro anos.

O português concorre com o suíço Joseph Blatter, atual mandatário da Fifa, o príncipe jordaniano Ali Bin al-Hussein, e o presidente da Federação Holandesa Michel van Praag. À Efe, o português descartou que os integrantes da Conmebol já tenham escolhido o sucessor de João Havelange como preferido.

Segundo Figo, todos os integrantes da Conmebol o receberam muito bem, e mostraram atitude positiva diante de suas propostas.

“Há muitas informações que não são corretas e que servem apenas para criar instabilidade. Por isso, temos que aguardar a decisão da entidade”, afirmou o ex-jogador.

Segundo vice-presidente da Conmebol a partir de maio, o chileno Sergio Jadue garantiu que a entidade ainda não se decidiu sobre que candidato apoiará. Segundo o presidente da federação do Chile, Figo e Napout se reuniram novamente nesta manhã, para que o mandatário da Conmebol conhecesse melhor as ideias do português.