Alvo do Barça, Seri diz que Nice não cumpriu promessa de negociá-lo

  • Por EFE
  • 28/08/2017 15h00 - Atualizado em 28/08/2017 15h08
Jean Michaël Seri é um dos destaques do Nice, no Campeonato Francês

O meia Jean Michaël Seri revelou nesta segunda-feira (28) que chegou a ter tudo acertado para se transferir para o Barcelona, mas a negociação fracassou há alguns dias depois que seu clube atual, o Nice, aumentou o preço por seus direitos econômicos.

“Estava claro que alguma coisa tinha acontecido. Eles me prometeram uma coisa e depois não cumpriram a promessa, pedindo por mim mais dinheiro que o estipulado”, declarou o marfinense em entrevista ao jornal espanhol Mundo Deportivo.

Seri afirmou que se reuniu com dirigentes do Barcelona e apenas depois foi saber que o Nice optou por aumentar a pedida.

“Fui para casa contente e só no dia seguinte me informei sobre a notícia (da subida de preço). Fiquei maluco ao ver que a operação havia quebrado. Então, explodi. Garanto que as paredes tremeram. Os dirigentes nem sequer me olhavam nos olhos”, relatou.

O meia se mostrou frustrado e garantiu que mudança de postura do clube francês o desmotivou a ponta de não ter jogado no último sábado (26), na derrota para o Amiens por 3 a 0. Entretanto, ele se mantém confiante quanto a jogar pelo Barça.

“Quero ser otimista e pensar que ainda há chance. Torço para que os dois clubes voltem a conversar tranquilamente e cheguem a um acordo. Não estamos falando de um clube qualquer, para o qual se vai por dinheiro”, comentou.

“Grandes clubes europeus querem me contratar, como Juventus, PSG, Arsenal, Borussia Dortmund, Roma… Conversei muitas vezes com Monchi (diretor esportivo da Roma), e uma transferência para lá não aconteceu por questões econômicas. Monchi chegou a se cansar dos dirigentes do Nice. A Roma era uma boa opção, mas nada a ver com o Barça”, completou.