Após tragédia, Flamengo diz que fará ‘clássico mais duro da história’

  • Por Jovem Pan
  • 14/02/2019 11h18 - Atualizado em 14/02/2019 11h19
Flamengo/ DivulgaçãoFlamengo está de luto, mas terá que jogar

Desde a sexta-feira passada (8), o Flamengo chorou a morte de 10 jovens das categorias de base, em um incêndio no Ninho do Urubu. Mas chegou a hora do clube voltar aos gramados. Nesta quinta (14), a equipe vai enfrentar o rival Fluminense pela semifinal da Taça Guanabara, no Maracanã, às 20h30 (de Brasília).

O Flamengo divulgou mensagens sobre a partida e destacou como será difícil entrar em campo neste momento: “hoje tem Flamengo. Mas hoje não tem vídeo, nem música. Hoje tem o Fla-Flu mais duro de nossa história. Hoje o nosso time entrará em campo pela Nação, pelas nossas cores, pelo orgulho e por eles. Pelos #Nossos10. Vencer, vencer, vencer”.

Em outra publicação o Flamengo pediu apoio da torcida: “vista o Manto! Saia de casa com sua camisa preferida. Não importa o ano, o modelo ou a cor. Coloque o CRF no peito. A Nação hoje é uma só. É o dia para homenagearmos nossos #GarotosDoNinho. Vamos vestir o país de Flamengo. Por eles!”.

O Flamengo terá a vantagem de se classificar com um empate e está praticamente sem desfalques. Juan será a única ausência. Então, apesar da tristeza, o Rubro-Negro entra como favorito. A provável escalação tem Diego Alves; Pará, Rhodolfo, Rodrigo Caio e Renê; Willian Arão, Cuéllar e Diego; Bruno Henrique, Everton Ribeiro e Gabigol.

Já o Fluminense tem mais desfalques, como Ganso (não inscrito), Pedro e Gilberto (lesões). A provável escalação do técnico Fernando Diniz tem Rodolfo; Ezequiel, Digão, Matheus Ferraz e Marlon; Airton, Bruno Silva; Luciano, Daniel e Everaldo; Yony González.