Ataque do Brasil não funciona contra Panamá, mas Tite só vai trocar defesa

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2019 13h02
Pedro Martins / MoWA PressCoutinho está em má fase no Barcelona, jogou mal contra o Panamá e seguirá como titular

O ataque da Seleção Brasileira não funcionou bem diante do frágil Panamá, no último sábado (23). Mas o técnico Tite não vai buscar uma solução trocando jogadores. A escalação titular só será alterada na defesa para o jogo contra a República Tcheca, nesta terça-feira (26).

Serão 6 mudanças no time. Vão sair Ederson, Fagner, Militão, Miranda, Alex Telles e Arthur. A equipe será formada com Alisson; Danilo, Thiago Silva, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro; Richarlison, Allan, Lucas Paquetá e Philippe Coutinho; Firmino.

Entre os jogadores do ataque, os únicos que se destacaram foram os jovens Paquetá e Richarlison. Mas eles oscilaram. O meia começou bem e fez o único gol do Brasil, mas caiu de produção no 2º tempo e até foi substituído. Já o atacante começou tímido atuando pela ponta direita, mas passou se movimentar mais e até acertou uma finalização na trave.

Já Coutinho e Firmino foram mal o tempo todo. O atacante inclusive perdeu uma chance de gol no 1º tempo e foi substituído por Gabriel Jesus. Já Coutinho errou lances simples, não produziu nada e mesmo assim foi defendido por Tite na entrevista coletiva.

O técnico convocou mais 4 jogadores para o meio-campo e ataque: Felipe Anderson, Everton, David Neres e Gabriel Jesus. Apenas Neres não saiu do banco contra o Panamá. Everton foi quem mais se destacou, arriscando jogadas individuais e criando bons lances para o Brasil.