Autor de atentado contra Borussia Dortmund oferece indenização a Bartra

  • Por EFE
  • 02/02/2018 14h15 - Atualizado em 02/02/2018 14h22
EFEEm abril do ano passado, Marc Bartra foi ferido na explosão próxima ao ônibus do Borussia Dortmund

O autor do atentado contra o ônibus do Borussia Dortmund em abril do ano passado, Sergei W., mostrou-se arrependido e se disse disposto a indenizar o zagueiro espanhol Marc Bartra e o policial ferido durante o ataque com bombas.

“Os pais do acusado manifestaram o desejo de entregar a ele as suas economias. Naturalmente, Isso é algo simbólico. Trata-se de pedir uma condenação menor, um claro sinal de arrependimento e de uma aceitação da culpa”, disse o advogado do acusado, Carl W. Heydenreich, em declarações publicadas pelo jornal Bild.

No dia 12 de abril do ano passado, o ônibus do Dortmund foi atacado quando se dirigia ao estádio Signal Iduna Park para um confronto contra o Monaco, pelas quartas de final da Liga dos Campeões.

A promotoria acusa a Serguei W. de tentativa de assassinato em 28 casos. A intenção, na visão da acusação, foi deixar o maior número de mortos e feridos possível para que ocorresse uma queda das ações do clube alemão na bolsa e ele lucrasse com isso.

O acusado admitiu ter sido o autor do ataque, mas negou que tenha tentado matar.