Amistoso Brasil x Uruguai será confronto de seleções desfalcadas

  • Por Jovem Pan
  • 13/11/2018 08h34 - Atualizado em 13/11/2018 08h37
Pedro Martins / MoWA Press Tite perdeu 3 titulares por lesão

As seleções de Brasil e Uruguai estão com problemas na preparação para o amistoso de sexta-feira (16), em Londres. Os dois técnicos precisarão lidar com muitos desfalques. A baixa mais recente foi do uruguaio Coates, cortado na noite desta segunda-feira (13).

Coates, do Sporting-POR, sofreu uma lesão muscular na perna esquerda, de acordo com a Associação Uruguaia de Futebol (AUF). Ele também perderá o amistoso com a França, na sequência do jogo com o Brasil, na terça da próxima semana.

Tabárez já convocou um substituto. Nesta segunda, ele chamou o zagueiro Emiliano Velázquez, do Rayo Vallecano, da Espanha. O reforço vai se integrar ao grupo uruguaio na capital britânica na manhã desta terça. Ele foi vice-campeão mundial duas vezes com a base de sua seleção, em 2011 com o time sub-17, e em 2013, com o sub-20.

Coates é a quinta baixa da seleção uruguaia para estes dois amistosos, os últimos da equipe na temporada. Antes dele, foram cortados do time o goleiro Fernando Muslera, o zagueiro e capitão Diego Godín, o lateral Marcelo Saracchi e o atacante Cristhian Stuani, no domingo. Todos estão machucados.

Outros dois desfalques são Nahitan Nández e Camilo Mayada, que nem foram convocados para estes amistosos porque disputam a final da Copa Libertadores, por Boca Juniors e River Plate, respectivamente.

Os desfalques da Seleção Brasileira são graves. Três líderes do elenco foram cortados, Casemiro, Marcelo e Philippe Coutinho. Os substitutos já se apresentaram: Rafinha Alcântara, Alex Sandro e Renato Augusto.

Com Estadão Conteúdo