Favoritas ao título, torcidas organizadas terão desfiles sobre tabaco, tempo e princesa africana

  • Por Jovem Pan
  • 01/03/2019 14h12 - Atualizado em 01/03/2019 14h16
DivulgaçãoMancha Verde vai ser a primeira torcida organizada a desfilar em São Paulo

As torcidas organizadas de 3 times de São Paulo (Corinthians, Palmeiras e São Paulo) criaram escolas de samba e estão no Grupo Especial. Em 2019, todas elas são favoritas ao título, apesar de tratarem de temas bem diferentes, como tabaco, tempo e a história de uma princesa africana. Os desfiles começam nesta sexta-feira (1) e acontecem também no sábado (2). Nos 2 dias seguintes, outras torcidas organizadas também vão desfilar, inclusive uma do Santos, nas divisões inferiores do Carnaval paulista.

Entenda temas das 7 escolas de samba ligadas a times de São Paulo.

Mancha Verde (Palmeiras)
Data do desfile: 1 de março, por volta de 1h25 (de Brasília)

A escola de samba quase foi campeã em 2018 – ficou em 3º lugar por causa de critérios de desempate. Em 2019, ela continua com condições de buscar o título, principalmente por 2 motivos. Primeiro pelo enorme apoio financeiro da Crefisa, que arrecado R4 3,4 milhões pela Lei Rouanet. E também por causa do carnavalesco Jorge Freitas, que possui 4 troféus na elite do Carnaval de São Paulo (curiosamente 2 foram na Gaviões da Fiel, torcida do Corinthians)

Enredo de 2019: “Oxalá salve a princesa. A saga de uma guerreira negra”

A escola contará a história da princesa Aqualtune, avó de Zumbi dos Palmares. Ela nasceu no Congo, foi escravizada por europeus e depois levada ao Brasil. Por aqui ficou famosa por lutar pela liberdade e contra o racismo, sendo tratada como princesa no Quilombo dos Palmares.

Samba-Enredo

Refrão:
“A alma que chora
A pele que sangra
Qual será o meu valor?
Entrego minha vida
Rainha do mar, Iemanjá”

Ouça o samba completo:

Dragões da Real (São Paulo)
Data do desfile: 2 de março, por volta de 23h35

É uma escola de samba recente, criada em 2001, mas chegou com muita força ao grupo especial. Após 7 anos, já foi vice-campeã, em 2017. No ano passado a Dragões se destacou e ficou em 5º lugar. O carnavalesco dessa vez, Mauro Quintaes, veio do Rio de Janeiro, onde já venceu nos grupos de acesso e comandou grandes escolas, como Mangueira e Unidos da Tijuca.

Enredo de 2019: “A Invenção do Tempo – uma odisseia em 65 minutos”

A Dragões quer retratar a influência do tempo na humanidade. O desfile vai apresentar Chronos, considerado Deus do tempo , e chegará até a influência disso na sociedade moderna. Um dos grandes destaques do desfile será a presença de um carro similar ao do filme “De Volta Pro Futuro”.

às vezes, 65 minutos valem por toda a eternidade. O tempo destinado ao desfile pode marcar a história de uma agremiação e ficar para sempre na memória e no coração do nosso desfilante e admirador da escola. A Dragões entrega a essa grande odisseia para o próximo carnaval! ” – Comenta Mauro Quintaes, carnavalesco da Dragões da Real.

Samba-Enredo

Refrão:
“Quem sonhar vai viver essa vitória
Lutar e vencer é nossa raiz
Avante Dragões, chegou sua hora
É tempo de ser feliz”

Ouça o samba completo:

Gaviões da Fiel (Corinthians)
Data do desfile: 2 de março, por volta de 5h

É a única torcida organizada que já venceu no Carnaval de São Paulo. E foram 4 vezes, em 95, 99, 2002 e 2003. Depois disso a escola teve dificuldades, chegou a cair para o grupo de acesso, mas voltou para elite. Em 2018 ficou em 7º lugar e não brigado por títulos ultimamente. A presença do carnavalesco Sidnei França anima os corintianos, pois ele já venceu 4 vezes recentemente em São Paulo, pela Mocidade Alegre.

Enredo de 2019: “A saliva do santo e o veneno da serpente”

As chances de título de 2019 se baseiam principalmente no samba enredo, que foi utilizado em 1994 e será reutilizado agora. A torcida inteira ama a música e considera que deveria ter sido campeã naquele ano – notas contestáveis geraram o vice-campeonato e muitas reclamações.

O enredo é sobre a história e as lendas do tabaco. A escola pretende falar sobre o benefícios e malefícios deste produto. Em 94 o desfile concluiu que quem fuma está perto da morte, com a presença de uma caveira nas alegorias. Desta vez o carnavalesco já anunciou que não vai apresentar esse julgamento. Mas tentará adaptar o tema a uma visão moderna do fumo, que mudou bastante nos últimos 25 anos.

Samba-Enredo

Refrão:
“Saravá, saravá
Salve o santo guerreiro
E uma vela prá saudar
Meu São Jorge padroeiro”

Ouça o samba completo:

Torcidas organizadas das divisões de acesso

Escola: Independente Tricolor (São Paulo)
Grupo: Acesso 1 (2ª divisão)
Data e local do desfile: domingo (3), às 22h, no Sambódromo
Enredo: “Para sempre vou te amar”, uma história de amor inspirada no livro “A Divina Comédia”, de Dante Alighieri.

Escola: Torcida Jovem (Santos)
Grupo: Acesso 2 (3ª divisão)
Data e local do desfile: segunda-feira (4), às 21h40, no Sambódromo
Enredo: “No batuque do tambor, nosso samba e raiz e tradição”, é um tema afro que mostra a influência do tambor no folclore brasileiro.

Escola: TUP (Palmeiras)
Grupo: Uesp 1 (5ª divisão)
Data e local do desfile: domingo (3), é a 3ª escola, na Avenida Alvinópolis, bairro Vila Esperança
Enredo: “Da Vila Nova da Constituição ao Brasil caipira… Os parceiros do Rio Bonito; TUP conta Piracicaba na Avenida!”, é uma homenagem à cidade Piracicaba, do interior paulista.

Escola: Pavilhão 9 (Corinthians)
Grupo: Especial de Blocos (7ª divisão)
Data e local do desfile: domingo (3), 17h20, na Avenida São João
Enredo: “Dois pavilhões e uma só nação. Corinthians, meu maior tesouro. Com Gaviões no jubileu de ouro”, é uma homenagem aos 50 anos da Gaviões da Fiel, a torcida organizada mais vitoriosa do Carnaval paulistano.