Corinthians vence clássico de gols polêmicos e aumenta crise no São Paulo

  • Por Jovem Pan
  • 17/02/2019 20h52 - Atualizado em 17/02/2019 20h56
MAURO HORITA/ESTADÃO CONTEÚDOManoel fez o 1º gol do Corinthians

Os 3 gols que aconteceram no clássico entre Corinthians e São Paulo, neste domingo (17), tiveram polêmicas. No final o time Tricolor reclamou mais, pois perdeu por 2 a 1 em Itaquera e segue em crise, sem vencer há 4 jogos. A equipe também continua sem vitórias em Itaquera – até agora foram 11 jogos, com 7 vitórias do Timão e 4 empates

Com a vitória, o Corinthians assumiu a liderança do Grupo C do Campeonato Paulista, com 10 pontos. Já o São Paulo está em 2º lugar no Grupo D, com 9 pontos, e corre risco de sair da zona de classificação nesta rodada. Isso vai acontecer se o Oeste conseguir pelo menos um empate com o São Bento nesta segunda-feira (18), jogando em casa.

Em Itaquera, os 2 times se preocuparam demais em marcar no 1º tempo e falharam muito quando tentaram atacar. O São Paulo, agora treinado pelo interino Vagner Mancini, até teve mais controle de jogo, com presença no ataque, mas nunca foi perigoso.

O primeiro gol só aconteceu aos 42min. E a polêmica começou na jogada anterior, quando Clayson foi lançado na ponta esquerda e fez um passe para trás. Os são paulinos reclamaram que a bola saiu antes dele tocar, mas o lance seguiu. Pedrinho pegou a bola e chutou forte, mas Tiago Volpi defendeu.

Na cobrança de escanteio, Manoel cabeceou forte para o gol e novamente Volpi defendeu. Mas o bandeirinha sinalizou que a bola passou da linha antes dele fazer a defesa. Então os corintianos comemoraram o gol.

O São Paulo voltou melhor para o 2º tempo, dominou as ações ofensivas e conseguiu fazer o gol após cobrança de escanteio. Após cobrança de Reinaldo, Pablo mandou a bola para a rede. Em 2019, este foi o 8º gol sofrido pelo Corinthians em jogada aérea. Mas houve reclamação de falta não marcada, em disputa de Antony com Danilo Avelar.

O Corinthians reagiu bem, cresceu no jogo aos poucos e conseguiu o segundo gol aos 27min. Após cruzamento de Fagner, houve uma disputa entre Vagner Love e Tiago Volpi, que ficou reclamando de falta. A bola sobrou para Gustagol, que finalizou um pouco sem jeito, mas fez a bola entrar.

O São Paulo chegou a fazer mais um gol em lance de jogada aérea, com Arboleda, mas o juiz anulou porque marcou falta discutível, o que só aumenta a lista de polêmicas e reclamações do clássico.