Corinthians perde do CSA e completa sete jogos sem vitória

  • Por Jovem Pan
  • 30/10/2019 23h25 - Atualizado em 30/10/2019 23h26
CARLOS EZEQUIEL VANNONI/AGÊNCIA PIXEL PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O CSA bateu o Corinthians por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (30), no Rei Pelé, em Maceió, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Sonolento e desanimador. Assim é possível definir o primeiro tempo de CSA x Corinthians. Cada equipe teve apenas uma finalização certa. E cada um fez um gol.

O CSA abriu o marcador aos 24 minutos, após Apodi ganhar de Fagner e bater rasteirinho, no canto de Cássio. Já o Corinthians chegou ao empate quase no fim do primeiro tempo. A bola sobrou para Pedrinho, único homem lúcido no time, na entrada da área. O jovem soltou o pé e deixou tudo igual.

E foi isso, nenhuma das duas equipes conseguiu construir absolutamente nada mais durante os 45 minutos iniciais.

Mateus Vital voltou para o segundo tempo no lugar de Sornoza. Em dois minutos, o jovem fez mais do que o equatoriano em todos os 45 minutos. Vital recebeu dentro da área passe de Urso, dominou e finalizou para o gol. A bola passou raspando a trave.

O Corinthians até fez um segundo tempo melhor do que o primeiro, mas nada que empolgasse o torcedor. A falta de criatividade continuou sendo a peça chave do ataque corintiano. Mas o castigo veio a galope. Ricardo Bueno fez o segundo gol do CSA. O atacante subiu mais do que todo mundo após cobrança de escanteio e desempatou, aos 34 minutos.

Ficha técnica CSA x Corinthians

CSA

João Carlos; Celsinho, Alan Costa, Luciano Castán e Euller; João Vitor (Jean Cléber), Dawhan e Jonatan Gomez; Warley (Bustamante), Apodi e Ricardo Bueno

Técnico: Argel Fucks

Cartão amarelo: Euller, Dawhan, Ricardo Bueno, Jonatan Gomez, Jean Cléber e Luciano Castán

Corinthians

Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Ralf, Junior Urso (Jadson) e Sornoza (Mateus Vital); Pedrinho, Clayson (Janderson) e Gustagol

Técnico: Fábio Carille

Cartão amarelo: Fagner e Danilo Avelar