Veja 5 motivos para o Corinthians se empolgar com Boselli

  • Por Jovem Pan
  • 04/01/2019 10h24
Reprodução TwitterBoselli chega com moral ao Corinthians

O Corinthians tem pelo menos 5 bons motivos para se empolgar com a contratação de Mauro Boselli, que está praticamente confirmada. O atacante argentino de 33 anos chegou em São Paulo nesta sexta-feira (4) e deve ser anunciado oficialmente em breve. Os corintianos estão animados, com razão.

Ótimo histórico no León

Boselli disputou 5 temporadas completas no León, do México, e sempre fez muitos gols. É o segundo maior artilheiro da história do clube (130 ao todo) e no mínimo marcou 16 vezes em uma temporada. O recorde é de 29 gols, atingido no ano passado. No campeonato mais recente, fez 9 gols em 22 jogos. Portanto é um jogador que chega em boa fase, mesmo com a idade um pouco avançada.

Títulos

Boselli é bicampeão da Copa Libertadores. Venceu em 2007, como reserva do Boca Juniors-ARG, e foi artilheiro no título do Estudiantes-ARG em 2009. Além disso, também venceu uma Copa Sul-Americana (pelo Boca, em 2004), uma Copa da Inglaterra (pelo Wigan, em 2013) e 2 Mexicanos (pelo León, em 2013 e 2014).

Liderança

Boselli foi capitão do León por 4 anos. Isso é importante para o Corinthians, que busca renovar as principais referências elenco, já que até agora só tinha contratado jogadores mais jovens.

Características

Boselli é forte, alto e bom finalizador na curta distância. Isso deve se encaixar no estilo de jogo do Corinthians, com cruzamentos e jogadas de pivô. Ele não é tão parecido com Jô, último centroavante de sucesso no Corinthians, mas tem recursos para substituí-lo à altura.

Vontade

Boselli definiu que não ficaria no Léon, porque não conseguiu acerto para renovação de contrato. E depois disso recebeu propostas e sondagens de diversos times, inclusive mexicanos, como o América. No Brasil o Grêmio também se interessou pelo Corinthians. Mas o atacante parece ter escolhido o Timão.

Ao chegar em São Paulo, nesta sexta-feira, ele confirmou essa vontade: “Jogar em um time desse tamanho é o que todo jogador quer. É um grande desafio, uma etapa de amadurecimento da carreira e espero fazer as coisas bem. É um time que já teve jogadores, como Carlitos Tevez e Mascherano. É um grande clube não só no Brasil, mas na América do Sul. É um orgulho vestir essa camiseta”.