Dybala insinua que expulsão de Messi foi retaliação da Conmebol: ‘Ficou feio’

  • Por Jovem Pan
  • 06/07/2019 20h26 - Atualizado em 06/07/2019 20h33
Paulo Fonseca/EFE

Dybala foi outro a condenar a Conmebol após a vitória da seleção argentina sobre o Chile e a conquista da terceira posição da Copa América. O atacante chegou a insinuar uma retaliação da entidade contra Messi, após as críticas do melhor do mundo.

“O Leo (Messi) falou na partida passada e todos vimos o que aconteceu hoje. Se eu falar, o que vai acontecer comigo na próxima partida? De fora, se vê muita coisa; de dentro, se vê em dobro”, sugeriu.

“As dúvidas continuam. Ficou feio”, falou Dybala. “Se eu responder algo ou disser o que penso…”, continuou.

Após a partida, Lionel Messi soltou o verbo contra a Conmebol e afirmou que existe uma “armação” para a seleção brasileira vencer a Copa América.

“Brasil campeão? Eu não acho que haja dúvida. Lamentavelmente acho que está armado para o Brasil. Tomara que os árbitros e o VAR não tenham nada a ver e que o Peru possa competir, porque tem time para fazê-lo. Mas vejo isso difícil”, acusou.