Em nota, CBF banca continuidade de Tite mesmo se Brasil perder a Copa América

  • Por Jovem Pan
  • 05/07/2019 08h39
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDOTite, treinador da seleção brasileira

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) publicou nota na última quinta-feira (4) para confirmar que Tite continuará como técnico da seleção mesmo em caso de derrota para o Peru na final da Copa América, no domingo, em jogo que será disputado no Maracanã.

A nota incomum da entidade foi divulgada em meio a rumores na imprensa que indicavam que o técnico poderia se demitir após o fim do torneio.

Um dos que fez esta afirmação foi o jornalista Juca Kfouri, colunista do “UOL”, que disse que Tite estava disposto a entregar o cargo independentemente do resultado contra o Peru.

“A Confederação Brasileira de Futebol manifesta sua confiança no trabalho da Comissão Técnica da Seleção Brasileira Principal. E reafirma que ela será mantida em caráter permanente”, escreveu a CBF na nota.

Tite está no comando da seleção brasileira há três anos, quando o Brasil corria risco de ficar fora da Copa do Mundo de 2018. O técnico conseguiu arrumar o time e classificar a equipe com várias rodadas de antecipação para o Mundial.

Apesar do fracasso na Copa do Mundo e da eliminação do Brasil para a Bélgica, Tite foi mantido no cargo. O novo presidente da CBF, Rogerio Caboclo, também garantiu que o treinador segue no posto até o Mundial de 2022, que será disputado no Catar