Fifa estuda mudar local da Copa do Mundo de 2022, diz TV

  • Por Jovem Pan
  • 18/06/2019 15h08 - Atualizado em 18/06/2019 15h14
EFECatar foi eleito país-sede da Copa do Mundo de 2022 em novembro de 2010. Pleito foi um tanto quanto suspeito

A Fifa está avaliando mudar a sede da Copa do Mundo de 2022, que está marcada para acontecer no Catar. De acordo com informações da emissora TNT Sports, divulgadas na tarde desta terça-feira (18), dirigentes da entidade máxima do futebol estão fazendo reuniões secretas para encontrar um novo país que possa receber o Mundial.

A notícia surge horas depois de o ex-presidente da Uefa, Michel Platini ser preso por corrupção. O ex-jogador na seleção francesa foi detido no âmbito da investigação sobre corrupção na concessão do Mundial de 2022.

“Estão tratando, vendo e estudando se não é conveniente tirar a Copa do Mundo do Catar de 2022. Inclusive, tirar os anúncios da Qatar Airways da Conmebol. Ainda mais porque tem ligação direta com o governo do Catar. E passar o Mundial a outro país”, informou a TNT.

“O complicado do assunto é que a Copa ocorre entre novembro e dezembro. E já está tudo planejado, como as Eliminatórias. Se mudar, por exemplo, para a Europa, não poderia ser novembro e dezembro porque na Europa faz muito frio. Então teria que jogar na América.”, continuou.

De acordo com o canal,  ” se estuda fortemente” tirar a Copa do Catar, já que o escândalo de corrupção envolvendo Plantini deixa a situação insustentável.