Fifa proíbe Santos de registrar novos jogadores

  • Por Jovem Pan
  • 06/03/2020 17h10
Ivan Storti / Santos FCCleber foi emprestado pelo Santos a diversos times

Uma dívida com o Hamburgo, na Alemanha, fez com que a Fifa proibisse o Santos de registrar novos jogadores. O débito se refere a transferência do zagueiro Cleber, que está emprestado à Ponte Preta, feita em 2017.

Segundo o UOL, o clube tenta reverter a situação com os alemães, mas ainda não conseguiu um acerto. Pesa contra o Santos o descumprimento de dois acordos fechados ainda na gestão do presidente Modesto Roma Jr, que foram descumpridos. A atual gestão, de José Carlos Peres, negocia agora o pagamento a vista, que resolveria o bloqueio.

O bloqueio impede que o clube contrate novos atletas tanto no Brasil quanto no exterior, mas não impede a venda de jogadores.

Em dezembro de 2018, a dívida estava em R$ 15,8 mi, de acordo com informações contidas no balanço divulgado pelo Santos. O valor, que hoje pode beirar os R$ 20 milhões, corresponde a transferência, documentação, multa e honorários devidos.

Cléber, que foi uma das principais contratações de 2017, foi pouco aproveitado pelo Santos. Desde o início do contrato, que vai até 2022, já foi emprestado ao Coritiba, Paraná e Oeste, e atualmente defende a Ponte Preta.