AFA nega ter aberto negociação para contratar substituto de Sampaoli

  • Por EFE
  • 18/07/2018 16h45 - Atualizado em 18/07/2018 16h54
EFEJorge Sampaoli deixou o comando da seleção argentina no último domingo

A Associação do Futebol Argentina anunciou nesta quarta-feira (18) que não está discutindo a contratação de qualquer profissional para comandar a seleção, depois da demissão de Jorge Sampaoli, oficializada no último domingo (15).

“A AFA informa que, até esta data, não iniciou nenhum tipo de negociação, nem conversou com nenhum treinador. No dia 31 de julho, em reunião do comitê executivo, a diretoria avaliará os passos seguintes”, diz comunicado emitido pela entidade.

Nos últimos dias, diversos nomes foram apontados como alvos da federação, como Diego Simeone, Mauricio Pochettino, Marcelo Gallardo, Ricardo Gareca, Jorge Almirón e Matías Almeyda.

O veterano José Pekerman foi apontado como possível treinador, assim como profissional desejado para ocupar a função de diretor, que também poderia ser ocupada por Alejandro Sabella, vice-campeão mundial em 2014.