Barça abre o placar com Messi, mas sofre virada e pode perder a liderança do Espanhol

  • Por Jovem Pan
  • 02/11/2019 15h11
Reprodução/BarcelonaO Barcelona perdeu por 3 a 1 para o Levante, fora de casa

O Barcelona, que vinha de cinco vitórias seguidas no Campeonato Espanhol, perdeu neste sábado para o Levante por 3 a 1, de virada e fora de casa, resultado que deixa em risco a condição de líder isolado da competição.

No estádio Ciutat de Valencia, os visitantes pularam na frente do placar aos 38 do primeiro tempo, graças a gol do atacante argentino Lionel Messi, em cobrança de pênalti. Três minutos depois, no entanto, os ‘Blaugranas’ voltaram a ser assombrados pelo fantasma das lesões e perderam o atacante uruguaio Luis Suárez, que deu lugar ao jovem espanhol Carles Pérez.

Na etapa complementar, o Levante viveu um período de dez minutos espetaculares, empatando aos 16, com o meia espanhol José Campaña; virando aos 18, com o atacante espanhol Borja Mayoral; e anotando o terceiro aos 23, com o meia sérvio Nemanja Radoja.

O único brasileiro em campo no jogo foi o volante Arthur, que foi titular no Barça e saiu pouco antes dos anfitriões fecharem o marcador, para dar lugar ao jovem atacante espanhol Ansu Fati. O goleiro Neto, por sua vez, não saiu do banco de reservas ‘blaugrana’.

Com o resultado negativo, o time comandado pelo espanhol Ernesto Valverde segue com 22 pontos e pode ser ultrapassado pelo Real Madrid, que tem 20 e recebe mais tarde o Betis; e também por Granada ou Real Sociedad, que se enfrentam; e Sevilla e Atlético de Madrid, também envolvidos em confronto direto.

O Levante, por sua vez, chegou aos 17 pontos e subiu provisoriamente para a oitava colocação na competição.

Mais cedo, na partida que abriu a rodada, o Valencia suou muito a camisa, mas derrotou o Espanyol por 2 a 1, fora de casa, se aproximando assim da zona de classificação para competições continentais, depois de um começo irregular.

O meia espanhol Marc Roca abriu o placar para o time catalão, aos 31 da etapa inicial, em cobrança de pênalti; mas na etapa complementar, aos 24, o meia espanhol Dani Parejo igualou, em outro tiro da marca fatal, e o atacante uruguaio Maxi Gómez virou aos 35.

Com a vitória, a equipe do zagueiro Gabriel Paulista, que ficou 90 minutos no banco, foi aos 17 pontos e está em nono. Já o Espanyol, com mais um revés, segue estacionado na marca de oito, na penúltima colocação.

*Com informações da EFE