Com um a mais, Tottenham bate Manchester City e se aproxima do G-4 do Inglês

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2020 15h49
Reprodução/Tottenham O Tottenham venceu o Manchester City pelo Campeonato Inglês

O Tottenham venceu o Manchester City por 2 a 0 neste domingo, em casa, e deixou a situação do Liverpool ainda mais tranquila rumo ao título do Campeonato Inglês. Em uma partida bastante movimentada, com direito a pênalti e VAR, o time anfitrião aproveitou a expulsão de Zinchenko no início do segundo tempo e garantiu a vitória pela 25ª rodada da competição

O resultado aproxima o Tottenham do G-4 do Inglês. O time é o quinto colocado com 37 pontos, a quatro de distância do Chelsea, que está em quarto. O City continua em segundo lugar, com 51 pontos, mas vê o Liverpool cada vez mais distante. A equipe de Jürgen Klopp lidera com 73 pontos. Na 26ª rodada, o City enfrentará o West Ham, domingo, em casa. O Tottenham buscará o terceiro triunfo seguido no torneio e terá pela frente o Aston Villa, também no domingo, fora de casa.

O Manchester City começou melhor a partida e teve ao menos três grandes chances para abrir o marcador. Agüero acertou a trave logo aos 14. O time de Guardiola seguiu pressionando. Aos 37, o árbitro de vídeo foi acionado e deu pênalti a favor dos visitantes após Aurier derrubar Agüero na área. Gündogan bateu, e Lloris pulou no canto esquerdo para fazer a defesa. No rebote, o VAR foi acionado de novo porque Sterling caiu na área em disputa com Lloris. Desta vez o árbitro mandou o jogo seguir.

Na etapa final, o Tottenham tentou ir para cima, mas foi novamente o City que criou chance clara de gol. Sem goleiro, Agüero tentou o chute e a defesa cortou na linha. Sterling aproveitou a sobra e passou para Gündogan, que bateu por cima.

A situação só foi melhorar para os anfitriões após a expulso de Zinchenko, aos 14. O ucraniano parou contra-ataque de Winks com falta e recebeu o vermelho. Quatro minutos depois, o brasileiro Lucas Moura cruzou na área, o holandês Bergwijn matou no peito e acertou belo chute para abrir o placar.

O City sentiu o gol. Guardiola tentou dar mais força para o ataque com a entrada de Gabriel Jesus, mas foi o Tottenham que aproveitou a vantagem numérica para ampliar. Ndombélé tocou para o coreano Son, que chutou, a bola desviou em Fernandinho e enganou o goleiro Ederson.

*Com informações do Estadão Conteúdo