CR7 deixa a modéstia de lado e afirma: ‘Sou completo, não tenho ponto fraco’

  • Por Jovem Pan
  • 29/10/2019 10h53
Alessandro Di Marco/EFECristiano Ronaldo, atacante da Juventus

Cristiano Ronaldo concedeu uma longa entrevista à revista “France Football” e falou sobre vários aspectos da sua carreira. Entretanto, chamou atenção uma frase onde o astro português deixa a humildade de lado para afirmar que é um “jogador completo” e que “não possui nenhum ponto fraco.”

Em matéria publicada nesta terça-feira (29), Cristiano também voltou a comentar sobre a importância de Lionel Messi para o seu crescimento, quando ambos foram rivais na Espanha.

“Aos 19 e 20 anos, eu entendi que futebol, eram números, títulos, recordes e gols”, começou. “Estar à frente um do outro na Espanha nos permitiu ser melhores, mais eficientes … No Real, senti mais a presença dele do que o Manchester, então um pouco mais de pressão.” De um certo ponto de vista, era uma rivalidade saudável”, continuou.

O camisa 7 da Juventus também falou sobre como se dedicou para tornar-se o atleta multicampeão e com 700 gols na carreira.

“Primeiro, é preciso ter talento. Sem isso, você não pode fazer muito. Depois, talento sem trabalho é inútil. Nada cai do céu. Eu nunca teria chegado aonde estou sem minha força de trabalho”, afirmou. “Cerca de 70% da minha vida é dedicada ao futebol. Há que ser inteligente para durar. Chamo isso de educação de um jogador de futebol”, continuou.

Por fim, o atacante de 34 anos falou sobre suas metas para os seus últimos momentos da carreira.

“Meu objetivo é permanecer jovem à medida que envelheço. Tão competitivo. Me dê um jogador que tenha o mesmo desempenho que eu na mesma idade, em um time como a Juventus ?”, perguntou o gajo.